Eliane Carvalho

Witzel defende integração entre os estados na segurança pública Em Florianópolis, governadores do Sul e Sudeste também discutiram a reforma tributária

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

O governador Wilson Witzel defendeu uma integração maior na segurança pública entre os estados, neste sábado (19/10), durante a quinta reunião do Consórcio de Integração Sul e Sudeste (Cosud), em Florianópolis. O encontro teve a presença dos governadores dos sete estados das duas regiões: Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Espírito Santo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

– Todas as reformas econômicas que estão em discussão atualmente são fundamentais para o crescimento. Mas o desenvolvimento só será visível, se nós mostrarmos que o Brasil é um país seguro. Isso é fundamental para aumentar os investimentos – afirmou o governador, lembrando que o Rio de Janeiro está atacando o poder financeiro das quadrilhas com o Departamento de Combate à Corrupção, à Lavagem de Dinheiro e ao Crime Organizado.

 

Reforma tributária

Outro tema discutido durante o Cosud foi a reforma tributária. A carta conjunta dos governadores (em anexo), divulgada depois do encontro, destacou como prioritária a discussão em torno da mudança no sistema de cobrança de impostos.

– A reforma tributária ela é fundamental para que nós possamos dar segurança jurídica aos investidores e acabar com a guerra fiscal. É uma disputa que muitas vezes não atende ao interesse da população, que provocam um desequilíbrio no país – ressaltou Witzel.

 

Grupos de trabalho

Após a reunião de 14 grupos de trabalho – com temas como infraestrutura, segurança, sistema penitenciário, gestão e planejamento, meio ambiente, entre outros –, que teve a participações de secretários dos sete estados, os governadores assistiram a uma palestra com o tema ‘Uma gestão pública e digital mais simples’, ministradas pelo diretor federal de Desburocratização do Ministério da Economia, Geanluca Lorenzon, e pelo secretário especial de Modernização do Estado na Secretaria Geral da Presidência da República, José Ricardo da Veiga.

A próxima edição do Cosud acontecerá em janeiro em Foz do Iguaçu. Os estados do Centro-Oeste deverão participar do encontro. Também foi acertada para o ano que vem a realização de uma missão de governadores à China com o objetivo de captar investidores interessados tanto instalar empresas como em participar de processos de desestatização.

 

Homenagem a bombeiros

A abertura da plenária dos governadores, na manhã deste sábado, foi marcada por uma homenagem póstuma aos quatro bombeiros que morreram na sexta-feira, durante combate a um incêndio no Centro do Rio.  Os sargentos Geraldo Alves Ribeiro e Rafael Magalhães Frauches Alves e os cabos José de Sá Neto e Klerton Gonçalves de Araújo foram lembrados com um minuto de silêncio no início do evento.

Crédito da foto: Eliane Carvalho

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.