A escola de samba Vila Isabel – que homenageia Petrópolis no desfile de 2019 –  vai entregar 150 fantasias à Liga dos Blocos e Escolas de Samba de Petrópolis (Libesp) para que sejam distribuídas para o segmento. A informação foi confirmada nesta terça-feira (04.09), pelo prefeito Bernardo Rossi, em reunião com os representantes de escolas e blocos da cidade. Na ocasião, o prefeito ainda garantiu que também serão entregues 400 convites para a festa de lançamento dos protótipos – o modelo das fantasias, que será realizada no dia 21 de setembro, no Palácio Quitandinha.

O objetivo é fazer com que a comunidade do samba na Cidade Imperial se envolva com o desfile da Vila Isabel, que levará para a avenida o enredo “Em nome do Pai, do Filho e dos Santos. A Vila canta a Cidade de Pedro”, contando a história de Petrópolis para o mundo. “Será uma justa homenagem ao município e não tem porquê o segmento de samba não estar a frente disso. Esse desfile será muito importante e vai trazer pra nossa cidade diversas pautas positivas relacionadas ao samba. Mas queremos que tudo isso chegue lá na ponta, que vá até as comunidades, que envolva a todos”, destaca o prefeito.

Desde que surgiu a possibilidade da agremiação falar sobre Petrópolis em seu enredo, o município veio fortalecendo as relações com a escola. Apesar de não haver investimento dos cofres públicos da cidade, o governo vem auxiliando a escola em, por exemplo, pesquisas e ações em conjunto. Para o presidente da Libesp, Mestre Ivo, a união é fundamental. “É o momento de a gente se unir. É importante que, a gente, do samba, aproveite isso. E queremos levar esse movimento para as comunidades”, explica.

A Vila Isabel vai ser a segunda escola a desfilar, na segunda-feira de Carnaval. Parte do que servirá para contar a história de Petrópolis, desde a época do Império até os avanços nas novas tecnologias, serão apresentadas este mês, no dia 21, com o lançamento dos protótipos – como o mundo do samba se refere às fantasias.

“A escola tem grandes possibilidades de voltar ao Desfile das Campeãs com esse enredo homenageando Petrópolis. Vai ser muito importante para a cidade ver sua cultura representada na avenida. E queremos que a cidade se envolva. A escola já avisou que está de portas abertas para receber os petropolitanos”, destaca o diretor-presidente do Instituto Municipal de Cultura e Esportes, Leonardo Randolfo.