Quando abrem as janelas de negociação no futebol, todos querem saber quem chegará aos principais times do Brasil e do mundo, além de jogadores que deixarão essas equipes, fazendo com que os noticiários fiquem muito agitados com especulações, anúncios, até mesmo quando as coisas dão errado, só que por vezes, os times menos badalados acabam em segundo plano, mesmo assim, merecem seu destaque.

Parana: No futebol paranaense serão dois representantes na elite do futebol brasileiro, o Atlético Paranaense e o Paraná Clube, o tradicional Coritiba acabou rebaixado para a segunda divisão, no Atlético Paranaense chegaram três jogadres: Pierre ex-Fluminense, Raphael Veiga, por empréstimo do Palmeiras e Emerson que já defendeu o Botafogo, além do técnico Fernando Diniz, ex-Audax SP que começava um trabalho no Guarani de Campinas, para o Paraná Clube, de volta após mais de 10 anos na Série B, chegaram os seguintes reforços: Alemão ex-lateral do Internacional, Zé Carlos que defendeu o CRB na última temporada e João Paulo que saiu do Santa Cruz estão entre as novas caras do tricolor da Vila Capanema.

Santa Catarina: Nesta temporada apenas a Chapecoense representará o estado sulino, o verdão pelo segundo ano seguido disputará a Copa Libertadores, o time trouxe como principal novidade o volante Márcio Araújo que jogou pelo Flamengo nos últimos anos, a maioria deles como titular, Guilherme, que defendeu o Botafogo na última temporada além de Bruno Pacheco, Ivan, Vinícius e Eduardo.

Bahia: Tendo a tradicional dupla Bahia e Vitória mais um ano confirmada na série A, os times do maior estado da região nordeste estão indo as compras, pelo lado do Bahia chegaram: Élber do Cruzeiro, João Pedro do Palmeiras, Nílton que estava no Japão e defendeu vários times grandes no Brasil, Nino Paraíba ex-Ponte Preta, Douglas ex-Avaí e Léo ex-Atletico PR e Coritiba. Para o Vitória chegaram: Bryan ex-Cruzeiro, Lucas ex-Palmeiras e Fluminense e Denílson ex-São Paulo e Avaí.

Pernambuco: O Sport Recife é o único time do estado na elite do futebol brasileiro e trouxe como novidades o retorno de Nelsinho Batista ao comando do time o Zagueiro Léo Ortiz ex-Internacional e o meia Marlone, que estava no Atlético Mineiro.

Ceará: O Ceará que estava longe da primeira divisão desde 2011, voltou a elite do futebol brasileiro e foi as compras trazendo Luidy ex-Corinthians e CRB, Andrigo ex-Internacional e Atlético Goianiense, Felipe Azevedo que defendeu o clube na sua última participação na Série A, Reina do futebol colombiano são algumas novidades do vozão.

Minas Gerais: Além dos ricos, tradicionais e vitoriosos Cruzeiro e Atlético Mineiro, o estado contará também com o América, de volta a primeira divisão após uma temporada ausente, o campeão da segundona de 2017, volta a primeira divisão trazendo Rafael Moura, que estava no Atlético Mineiro, Matheus Ferraz ex-Sport, Aylon ex-Payssandu e Internacional e Matheus Salles que pertence ao Palmeiras e defendeu o Bahia na última temporada.