Nesta sexta-feira (26), o técinico Tite divulgou a lista de convocados para os amistosos contra Uruguai e Camarões, que serão realizados em novembro, na Inglaterra. As surpresas dessa convocação foram os meias Allan, do Napoli, convocado pela primeira vez e Paulinho, do Guangzhou Evergrande, que volta a Seleção após a Copa da Rússia.

O coordenador de seleções da CBF, Edu Gaspar, justificou a presença de poucos brasileiros “pois não seria ideal atrapalhar os times que estão em uma disputa acirrada nessa reta final de temporada.” O zagueiro Dedé, do Cruzeiro, foi a única exceção, haja visto que seu time conquistou a Copa do Brasil, na semana passada, contra o Corinthians.

Assim como depois da Copa do Mundo, o treinador da Seleção Brasileira tem chamado sempre um jogador sub-20 para compor o elenco, e desta vez o goleiro Brazão, de apenas 18 anos foi lembrado. Brazão atua nas categorias de base da Raposa e foi eleito o melhor da posição no Mundial sub-17.

Os amistosos serão nos dias 16 e 20, contra Uruguai e Camarões, respectivamente. Os estádios que receberão os jogos serão a casa do Arsenal e o MK Stadium, nessa ordem. As duas arenas são em Londres. Os treinos na capital inglesa começam no dia 12 de novembro.

Esta foi a última convocação de Tite neste ano, que volta a selecionar jogadores apenas em março do ano que vem e segundo a comissão técnica, “serão chamados somente jogadores que poderão jogar a Copa América”, que será realizada no Brasil.

Veja a lista de convocados

GOL: Alisson (Liverpool), Brazão (Cruzeiro) e Ederson (Manchester City);

LAT: Danilo (Manchester City), Fabinho (Liverpool), Filipe Luís (Atlético de Madrid), Marcelo (Real Madrid);

ZAG: Dedé (Cruzeiro), Marquinhos (Paris Saint Germain), Pablo (Bordeaux) e Miranda (Inter de Milão);

MC: Allan (Napoli), Arthur (Barcelona), Casemiro (Real Madrid), Paulinho (Guangzhou Evergrande), Phillipe Coutinho (Barcelona) e Wallace (Hannover);

ATA: Douglas Costa (Juventus), Firmino (Liverpool), Neymar (PSG), Richarlison (Everton), Gabriel Jesus (Manchester City) e Willian (Chelsea).

Por: Gabriel Malheiros