Petrópolis recebe neste final de semana o V Open de Judô, na sede do Petropolitano, no bairro Valparaíso. Atletas de seis estados diferentes e de todos os municípios do Rio participam do evento, que conta com a participação de mais de 80 academias de luta. Nos dois dias de disputa, o torneio vai reunir mais de três mil atletas. As inscrições seguem abertas pelo email:open@judopetropolis.com.br

O superintendente de Esportes e Lazer do município, Hingo Hammes, destacou que a cidade quer abraçar eventos de grande porte, que tragam benefícios esportivos e para Petrópolis de uma maneira geral. Além disso, Hingo lembrou que a modalidade é muito tradicional na cidade.

“Além de agregar no meio esportivo, movimenta a cidade e contribui com o turismo, ajudando a fortalecer a economia como um todo. A nossa cidade tem um enorme potencial para receber este tipo de evento e a prefeitura vai contribuir oferecendo a melhor estrutura possível para os organizadores. Petrópolis tem um grande número de praticantes das mais diversas artes marciais e o judô é uma das mais tradicionais”, garante Hingo.

O professor Carlos Henrique Gomes, o Carlão, é um dos coordenadores do torneio e explica que no ano passado o evento foi um grande sucesso. Ele acredita que agora não será diferente.

“Estamos preparando uma estrutura para receber um grande número de atletas de todo o Estado. Serão dois dias de competição em alto nível. Esperamos que o público presente aproveite o torneio”, disse.

A cidade já recebeu este ano eventos de Jiu-jitsu e Submission, no Esporte Clube Corrêas, e recebe em dezembro uma etapa do torneio regional de Karatê, no Centro Cultural e Esportivo Fábrica do Saber. O objetivo, segundo Hingo Hammes, é atrair outras competições de artes marciais em 2018.

“Oferecemos toda a estrutura necessária para a realização deste tipo de evento. Esperamos que no ano que vem a gente consiga trazer mais competições. As artes marciais têm grande apelo entre os petropolitanos”, explica Hingo.