No primeiro jogo do dia, o bicampeão mundial Uruguai enfrentou a Arabia Saudita, o time celeste venceu o Egito pela contagem mínima já os sauditas sofreram uma goleada de 5 a 0 para a anfitriã Rússia, algo que levou a federação do país a estipular punições a alguns atletas por baixo rendimento técnico.

A celeste olímpica teve uma estratégia considerada inusitada pela superioridade técnica do time, eles resolveram apostar em contra-ataques em vez de propor e controlar o ritmo do jogo como tentaram sem muito sucesso contra o Egito, assim como na estreia onde o time fez um único gol em bola parada, desta vez Luís Suarez foi o autor do gol que garantiu a vitória e a classificação uruguaia as oitavas de final e de quebra a Rússia que venceu o Egito acabou classificada, porque nenhuma seleção poderá chegar a seis pontos, pontuação tanto de Uruguai quanto dos russos.

Os árabes criaram algumas chances para empatar o jogo, dificultando a vida do Uruguai que respondia em alguns contra-ataques sem grande sucesso, desta forma o placar de 1 a 0 em favor dos sul-americanos foi mantido até o final e dois jogadores celestes bateram recordes, Suarez chegou a 100 jogos pela seleção e tornou-se o primeiro atleta uruguaio a marcar em três edições de Copa do Mundo, o goleiro Muslera chegou a 13 jogos e empatou com o lendário goleiro Ladislao Mazurkiewicz, que jogou os mundiais de 1966,1970 e 1974.

(imagem FIFA)