UPA Itaipava Padre Quinha registra quase 300 atendimentos nos primeiros dias de funcionamento

Quase 300 pacientes foram atendidos nas primeiras 48 horas de funcionamento da UPA Itaipava Padre Quinha, inaugurada pelo prefeito Bernardo Rossi na manhã do último sábado (18.01), em sua maioria, moradores de Itaipava.  O prefeito também acompanhou o primeiro dia útil de funcionamento da nova unidade nesta segunda (20).

Somente no sábado, 141 pessoas procuraram a unidade, sendo 69 moradoras de Itaipava, 16 de Pedro do Rio e 14 de Nogueira. Deste número, 110 atendimentos foram de clínica médica e 31 de pediatria. Pacientes de Araras, Bonsucesso, Posse e ainda do Rio de Janeiro também foram atendidos.

Já no domingo, foram registrados 128 atendimentos em clínica médica e 26 de pediatria, totalizando 154 atendimentos. Nas primeiras 48 horas, 295 pessoas passaram pela unidade de urgência e emergência. Os números mostram que a UPA Itaipava vem atender a uma importante demanda do distrito.

“Com a UPA Itaipava estamos facilitando o acesso dos moradores da região à rede de urgência e emergência. Só quem já passou pela situação de ter que levar um filho que caiu, ou um familiar que está com suspeita de infarte, sabe da importância de se chegar rapidamente à emergência. Por isso, a importância da UPA Itaipava”, afirmou o prefeito Bernardo Rossi.

Moradora da Posse, Ângela Maria Batista Barbosa levou a mãe para ser atendida hoje (20.01) na UPA Itaipava. “Ela tem problemas de saúde há cerca de seis meses e já procuramos UPAs de outras cidades por considerarmos mais perto do que as outras unidades de Petrópolis. Hoje, ela passou mal novamente, e viemos aqui”, contou. “Para a gente dos distritos, essa UPA significa tudo. Nós precisamos dessa atenção, precisamos desse carinho. Até agora, fomos muito bem recebidos aqui pelos funcionários”, disse Ângela Maria.

A UPA de Itaipava, situada na Estrada União e Indústria, 11.175, conta com  equipes de plantões de 24 horas formadas por com cinco médicos clínicos (3 dia / 2 noite); quatro pediatras (2 dia / 2 noite); três enfermeiros (24 horas); sete técnicos de enfermagem (24 horas); dois técnicos de raio X (24 horas) e dois técnicos de laboratório (24 horas).  A unidade está sendo custeada pelo município e administrada pelo Serviço Social Autônomo Hospital Alcides Carneiro (SEHAC), conforme acontece com as demais UPAs. Uma Parceria Público Privada (PPP), possibilitou a doação de todo o equipamento e mobiliário necessário para a montagem da unidade.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também