Unidades da Firjan SESI em Petrópolis recolhem doações para campanha contra a fome

Cidade possui mais de 30 mil pessoas em situação de fome e pobreza extrema. Em todo o Estado do Rio são 2,6 milhões de pessoas.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

A campanha SESI Cidadania Contra a Fome já arrecadou 4.444 cestas básicas que atenderão a mais de 17 mil pessoas em todo o território fluminense. Além disso, 10 mil itens já foram doados nas unidades da Firjan SENAI SESI no Estado do Rio. As doações serão destinadas as pessoas em situação de fome e pobreza extrema.

Em Petrópolis 33.132 pessoas se encontram em situação de fome e pobreza extrema e vivem com até R$ 89 por mês. Em todo o estado do Rio de Janeiro, são 2,6 milhões de pessoas (o equivalente a 15,1% da população do estado). Os dados são do Ministério da Cidadania.

“É preciso agir rápido para reverter esse quadro trágico de fome e pobreza que nos assola. Com essa ação solidária, a Firjan SESI reforça seu papel de agente de transformação social para ajudar quem mais precisa a fazer a travessia desse momento tão crítico. Não inventaram nada melhor para quem precisa de socorro do que a união, a generosidade e o amor ao próximo”, afirma Eduardo Eugenio Gouvêa Vieira, presidente da Firjan.

Os interessados em participar da campanha podem fazer as doações de alimentos não perecíveis nas unidades da Firjan SENAI SESI na Rua Bingen, 130, no Bingen ou na Avenida Barão do Rio Branco, 1564, no Centro. Os locais estão de portas abertas para a população – e com todas as medidas de segurança sanitária – para receber as contribuições. Outras 27 unidades também recolhem doações em todo o Estado do Rio. Contribuições também podem ser feitas em qualquer valor via PIX ou transferência bancária pelo site firjan.com.br/sesicidadaniacontrafome.

Fonte: Divulgação

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.