Tite faz 1ª convocação após a Copa do Mundo Começa a preparação para a Copa América que será realizada no ano que vem aqui no Brasil

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Na manhã desta sexta-feira aconteceu uma coletiva de imprensa para definir os jogadores convocados para participarem dos próximos amistosos da Seleção Brasileira, que serão realizados nos dias 7 e 11 de setembro, contra Estados Unidos e El Salvador. Os jogos serão realizados em Nova Jersey e Washington, respectivamente.

Na coletiva o técnico Tite respondeu à perguntas sobre a seleção campeã da Copa, a França, revelou o voto no Modric para melhor do mundo, falou sobre o início de um novo ciclo, surpreendeu ao convocar nomes que antes não eram cotados para serem convocados e também deixou gente de fora. Pelo menos por enquanto…

Segundo o treinador “esse momento é para testar novos talentos que estão sendo revelados, encontrar uma maneira eficaz de jogar para se consolidar como uma equipe forte e capaz de vencer qualquer competição.” Tite também disse que o Brasil não ganharia o mundial da forma que a França jogou e que prefere o estilo de jogo da Bélgica.

Seleção em fase de renovação

Tite fez jus a expectativa de renovação do Brasil para os próximos 4 anos. Jogadores jovens que apareceram pouco nas últimas convocações ou então que nunca tinham sido convocados para seleção principal antes, foram vistos e lembrados. Dentre eles estão: Lucas Paquetá, Hugo, Dedé, Fabinho, Felipe, Andreas Pereira e Éverton.

Edu Gaspar, coordenador de seleções da CBF definiu dois pontos importantes e que precisam ser entendidos para que essa convocação acontecesse:

1º) O goleiro Ederson, do Manchester City, ficou de fora da lista alegando “problemas pessoais.”

2º) Para não prejudicar os clubes nacionais no campeonato brasileiro e semi-final da Copa do Brasil, apenas um titular por clube foi convocado.

  • Eu procuro ser educado e cético, não politicamente correto. O Fabinho tem seis Champions. É a oportunidade. Dedé arrebentou em dois jogos, está em um ótimo momento. Arthur, já havia sido convocado antes, retoma um padrão para dar continuidade ao trabalho. O Andreas foi muito utilizado na base, tem dupla cidadania. Ele belga, os pais brasileiros. Jogando no Manchester United em alto nível. É o momento para dar oportunidade – completou o técnico da seleção brasileira demonstrando uma certa maturidade pós-Copa.

O Flamengo teve dois jogadores na lista, um deles é o goleiro Hugo, titular do time sub-20 do clube e não afetará a condição dos profissionais em suas respectivas competições. Os outros clubes brasileiros que também vão ceder jogadores são: Cruzeiro, Corinthians, Fluminense e Grêmio. O Palmeiras foi o único semi-finalista da Copa do Brasil sem representante na lista.

Os próximos amistosos contra Estados Unidos e El Salvador fazem parte da preparação para a Copa América no Brasil, que será realizada entre os meses de junho e julho do ano que vem. A próxima convocação será realizada no dia 21 de setembro.

Confira os convocados: 

Goleiros: Alisson (Liverpool), Hugo (Flamengo) e Neto (Valencia).

Zagueiros: Dedé (Cruzeiro), Marquinhos (PSG), Thiago Silva (PSG) e Felipe (Porto).

Laterais: Fagner (Corinthians), Fabinho (Liverpool), Filipe Luís (Atlético de Madrid) e Alex Sandro (Juventus).

Meio-campistas: Andreas Pereira (Manchester United), Arthur (Barcelona), Casemiro (Real Madrid), Fred (Manchester United), Lucas Paquetá (Flamengo), Philipe Coutinho (Barcelona) e Renato Augusto (Beijing Guoan).

Atacantes: Éverton (Grêmio), Roberto Firmino (Liverpool), Pedro (Fluminense), Willam (Chelsea) e Neymar (PSG).

Por: Gabriel Malheiros

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.