Teresópolis monta estratégia para 27 de janeiro, Dia D de combate à febre amarela

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Reunião realizada nesta quinta-feira, 18, em Teresópolis, com representantes das secretarias municipais de Saúde e de Defesa Civil, da Coordenação Regional Serrana de Defesa Civil e do Corpo de Bombeiros deu início à montagem de um plano de intensificação do combate à febre amarela. A estratégia é que profissionais desses setores se mobilizem no atendimento à população em 27 de janeiro, instituído como o Dia D de combate à doença, conforme determinação da Secretaria de Estado de Saúde.

A Secretaria Municipal de Saúde informa que já abasteceu as unidades de saúde com o lote de 10 mil doses de vacina contra febre amarela, enviado pela Secretaria de Estado de Saúde ao município. O atendimento acontece de segunda a sexta-feira, das 8h às 17, em 13 postos da Estratégia de Saúde da Família e em seis Unidades Básicas de Saúde, na cidade e no interior. Unidades móveis percorrem localidades que não têm postos.

De acordo com balanço parcial, de abril de 2017 até esta quinta-feira, dia 18, Teresópolis registra 160.100 pessoas imunizadas, o equivalente a 91% do público-alvo, entre moradores da cidade e turistas. A meta é imunizar 100% de toda a população que não possua contraindicação para a vacina.

Casos
A Secretaria de Saúde informa que a Fiocruz confirmou o quarto caso da doença no município: o de um morador do bairro Fonte Santa, que segue internado em quadro estável na enfermaria do Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas, da Fiocruz. O paciente trabalha durante a semana em Paraíba do Sul, em região de mata fechada, e retornava para casa nos finais de semana.

A Secretaria determinou a realização de ação de bloqueio na Fonte Santa, para intensificar a busca de quem ainda não se imunizou. Equipes dos postos da Estratégia de Saúde da Família da Fonte Santa e do bairro vizinho Quinta Lebrão atendem toda a população da região, inclusive avaliando idosos e outras contraindicações para a vacina da febre amarela.

Com isso, Teresópolis registra 4 casos de febre amarela: de um morador de Prata dos Aredes (48 anos) e que veio a óbito; de um morador de Água Quente (64 anos); de um morador da Fazenda Ermitage (54 anos) e de um morador do bairro Fonte Santa (18 anos).

Quanto aos casos suspeitos, o da moradora do bairro Frades (45 anos) foi descartado, mas ela se encontra internada devido a infecção urinária. Existe outro sob investigação pela Fiocruz: o de uma moradora do bairro Tijuca (63 anos).

Fonte: Prefeitura Municipal de Teresópolis

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.