Por Gisele Barreto

Na manhã desta segunda-feira, 9, aconteceu no Parnaso (Parque Nacional da Serra dos Órgãos) o primeiro ‘Encontro de Proteção e Monitoramento de Defesa Civil da Região Serrana’ de 2018.  A iniciativa reuniu integrantes do Corpo de Bombeiros, coordenadores e secretários de Defesa Civil de cidades serranas, e contou com a presença do tenente-coronel Bombeiro Militar, Alexandre Pitaluga, Coordenador Regional de Defesa Civil da Região Serrana-REDEC.

“A palavra que define nossos encontros chama-se ‘articulação’, pois a integração entre os governos federal, estadual e municipal faz com que as operações que precisam ser realizadas nas comunidades sejam mais rápidas e eficazes. Assim, quando as secretarias de Defesa Civil, Meio Ambiente, Obras e Assistência Social estão conectadas, fica mais fácil planejar as ações em caso de um evento adverso”, declarou Pitaluga.

Na programação, a importância da articulação entre os municípios; brainstorm sobre as boas práticas efetuadas pelas cidades; pontos de observação ou melhorias implementadas no município; indicações sobre o que pode ser feito para fortalecer o Sistema de Proteção e Defesa Civil, além do apoio ao Corpo de Bombeiros no período de estiagem e incêndios florestais.

O secretário de Defesa Civil de Teresópolis, Cel. Wellington, destacou a importância das reuniões. “Esses encontros são fundamentais e já acontecem há algum tempo na esfera estadual. A novidade é que a partir de agora, Teresópolis passa a sediar os encontros da REDEC”.

Fonte: Prefeitura Municipal de Teresópolis

Crédito da foto: Jorge Maravilha