Tenistas de Petrópolis participam de torneio profissional com atletas consagrados da modalidade Evento realizado na academia Locatelli terminou com o título de Pedro Sakamoto, atual número 490 do mundo

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Tenistas do município tiveram a oportunidade de participar de um torneio profissional com nomes consagrados da modalidade no último fim de semana. Após 17 anos sem receber uma competição deste nível, a Copa XP/ Hospital Santa Teresa – 1º Torneio Open de Tênis Pro reuniu 14 atletas na disputa pelo título, que ficou com Pedro Sakamoto, atual número 490 do Ranking Mundial da ATP. Ele venceu Osni Neri Junior, atual 1.558 da ATP por dois a zero, parciais 6-4 e 6-1. O evento foi realizado na academia Locatelli e contou com o apoio da prefeitura de Petrópolis através da Turispetro e da Superintendência de Esporte e Lazer.

“É importante que o município receba eventos das mais diversas modalidades esportivas, incentivando a prática de esportes. Estamos muito felizes de voltarmos a receber os grandes torneios de tênis, abrindo espaço para os praticantes da nossa cidade. É um incentivo ao esporte e ainda movimenta nossa economia, com a presença de atletas de todo o país”, destaca o prefeito Bernardo Rossi.

Para o trade turístico, os eventos esportivos também movimentam o setor. “Temos procurado sempre firmar parcerias para trazer para Petrópolis eventos que aqueçam nossa economia, ocupem quartos de hotéis e pousadas e movimentem o comércio”, frisa o secretário da Turispetro, Marcelo Valente.

A ideia é incentivar também novas gerações a se interessarem pela modalidade, que começou em Petrópolis ainda no século passado. O superintendente de Esporte e Lazer, Hingo Hammes, garante que modalidades em ascensão em todo o país estão ganhando cada vez mais espaço no recheado calendário esportivo de Petrópolis.

“Esportes como o tênis crescem pelo grande número de praticantes e de adeptos no território nacional e estão presentes na cidade em eventos realizados em parcerias público-privada. A diversidade de atividades oferecidas também contribui com a economia de uma maneira geral. Em dois anos, estimamos que cerca de 10 mil turistas estiveram presentes nos eventos esportivos realizados”, disse Hingo.

Além de Pedro e de Osni, outros nomes importantes do cenário internacional estiveram em Petrópolis, como é o caso deChristian Lindell, Carlos Eduardo Severino, João Okano e Fábio Costa. Segundo o professor e um dos organizadores do evento, Roberto Edler, a ideia é incentivar o crescimento do esporte na cidade.

“Conseguimos trazer atletas de alto nível, que já estiveram entre os 200 melhores do mundo. É importante que a gente incentive a modalidade entre os mais jovens, abrindo mais espaço para os atletas de Petrópolis competirem em alto nível”, disse Roberto.

 

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.