Temporal castiga mais uma vez a cidade de Petrópolis

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Um forte temporal atingiu a cidade de Petrópolis na tarde desta terça-feira (20). Ruas de vários bairros ficaram alagadas e uma árvore caiu sobre dois carros no Centro.

De acordo com a Prefeitura, o acesso à Rua do Imperador, pela Rua da Imperatriz, foi bloqueado devido à queda da árvore. Segundo funcionários da Secretaria de Educação, um raio atingiu a árvore, que caiu na rua junto com um poste de energia elétrica. Dois carros foram atingidos. Os ocupantes dos dois veículos foram resgatados e estão bem.

Árvore que caiu em carros no Centro

A ponte que fica em frente à Catedral foi fechada e o trânsito foi desviado pela Avenida Koeler, seguindo pela Rua Barão do Amazonas e Washigton Luiz. A Avenida Tiradentes (ao lado da Catedral) também é utilizada como opção, em direção à Raul de Leoni. O motorista deve acessar à Rua Ipiranga e Rua D. Pedro. A Avenida Koeler, no sentido Centro, também foi interditada.

A Defesa Civil registrou o alagamento nas Ruas Montecaseros e 7 de abril. Também de acordo com a Prefeitura, o Instituto Estadual do Ambiente (INEA) emitiu um aviso sobre o transbordamento do Rio Quitandinha, na altura da Cel. Veiga, e a Guarda Civil foi acionada para controlar o trânsito.

Foto registrada em Montecaseros

Nas últimas 24 horas choveu 33 milímetros na Vila Felipe, sendo o maior índice pluviométrico, seguido pela Rua João Xavier, com 28mm no mesmo período. Neste momento, a Defesa Civil está em estágio de vigilância.

Existe a previsão de novas pancadas para esta quarta-feira (21) e o restante da semana. A orientação para à população é ter atenção em função dos acumulados que deixam o solo encharcado.

O Setranspetro também emitiu nota informando que, em razão da interdição, todos os ônibus da Viação Cascatinha, os das linhas 70, 74, 600, 670, 672 e 700, da Turb e as linhas 105 e 106 da Cidade Real estão sendo desviados para a Avenida Koeler, passando pela Rua Monsenhor Bacelar e acessando a Rua do Imperador pela Rua Washington Luiz.

Com a sobrecarga de veículos nesta região, até às 16h, as linhas já estavam apresentado atrasos de mais de 40 minutos. O ponto de ônibus da Viação Cascatinha, da Turb e Cidade Real próximo à Praça Dom Pedro não está funcionando no momento.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

5 Comentários
  1. Fatima Diz

    Hoje eu e um sr conversando sobre as árvores então ele disse que tem árvore com 100anos então porque não corta ela e planta outras o que estão esperando esse Sr falou que nasceu aqui na cidade e lembra de todas que são antiga então prefeito Bernardo Rossi que acha da nossa idéia? ??

  2. Tatiane tinoco Diz

    As chuvas são decorrentes do clima.
    Já está na hora dos governantes aprenderem à organizar ações de retirada do pessoal das áreas de riscos e por em locais dignos e seguros.
    E organizar a cidade os rios os lixos nos lugares certos…
    A população também tem que se envolver com tais ações.
    Sem estas medidas nada poderá um prefeito sozinho fazer …apesar que ele não tem feito e Nada por isto …no Japão esteve bom tempo dando início a medidas cabíveis para estas horas mas não deram continuidade assim jogando no ralo todo investimento …

  3. Sandra Leila Gaioffatto Diz

    O temporal de ontem que atingiu Petrópolis
    A minha casa toda vez que da este temporal a minha casa enche de água que vem da Rua Padre Anchieta. Até hoje estou esperando a Prejeitará tomar uma presidência .enquanto isso estou aguardando pois já postei vídeos e até agora nada como disse o Prefeito Bernardo Rossi a hora da mudança. E mudou mesmo. Porque que será que não hora do temperalmoço ninguém quer fazer um vídeo para mandar para o jornal da Goblo para mostrar o que queremos Um Brasil melhor. ?

  4. Beth Lucas Diz

    Acho que diante de mais esta queda de árvore no centro da cidade, urge que a Prefeitura contrate uma empresa de avaliação florestal para verificar a condição estrutural das árvores. A rua Piabanha, no sentido do Sesc, Palácio de Cristal, dá medo de passar em dias de chuva. Galhos enormes sobre a via, muitos deles suportando o peso da idade e de enormes bromélias antigas. Isso tem que ser avaliado urgentemente! Avaliado, não é cortado, antes de mais nada! ALÕ PREFEITURA!

    1. Tatiane tinoco Diz

      As árvores estão doentes .
      Sai centenárias por elas passam fios também. Colocaram culpa em raios … pura mentira pois ali e cheio de para raios.
      Concordo com sua postagem.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.