Taxistas realizam uma carreata, na tarde desta quinta-feira, em vias da capital fluminense em apoio à greve dos caminhoneiros. De acordo com André do Táxi, diretor da Associação de Assistência aos Motoristas de Táxi do Brasil, e Alexandre Rezende, diretor do Sindicato dos Taxista Autônomos do Estado do Rio de Janeiro, são esperados cerca de 600 taxistas no ato.

Por volta das 18h, os taxistas iniciaram a carreata na Linha Amarela. A via apresenta lentidão nos dois sentidos. Há retenções, neste momento, no sentido Barra, de Pilares até o pedágio; e para o Fundão, entre a Estrada do Pau-Ferro e o pedágio.

“O movimento é espontâneo e independente, partindo da base da categoria através das redes sociais, em represália à decisão do juiz Daniel Miller, que revogou a gratuidade do pedágio aos táxis regularizados pela prefeitura”, disse André do Táxi.

Os motoristas partiram de dois pontos da capital fluminense: Ilha do Fundão e Shopping Metropolitano, na Barra da Tijuca. Ao chegar na praça do pedágio, irão dificultar o troco através de notas inteiras de alto valor, segundo os diretores da associação. Em seguida, seguirão para a Refinaria de Duque de Caxias (Reduc), “em apoio aos caminhoneiros de todo Brasil”, ressaltou Rezende.

De acordo com o Centro de Operações da Prefeitura (COR), uma faixa da Linha Vermelha foi ocupada, no sentido Centro, por volta das 14h, na altura do Galeão pelos veículos. O trânsito ficou intenso no local. Às 15h40, segundo o COR, a manifestação seguia pelo Aterro do Flamengo com uma faixa ocupada após passarem pela Avenida do Brasil, em Ramos, na Zona Norte.

Fonte: ODIA