Reprodução da internet

Taboada e Meirelles, afastados após o escândalo da banheira, retornam à Câmara Municipal de Petrópolis

O Tribunal de Justiça do Rio (TJ-RJ) determinou que a Câmara cumprisse a decisão.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Os vereadores Wanderley Taboada e Reinaldo Meirelles, que estavam afastados das funções parlamentares desde janeiro de 2019, voltaram aos seus cargos nesta quarta-feira (20), após o Supremo Tribunal de Justiça (STJ), conceder habeas corpus permitindo que ambos reassumissem suas funções. O Tribunal de Justiça do Rio (TJ-RJ) determinou que a Câmara cumprisse a decisão.

Eles estavam afastados por ordem judicial, onde são alvos de uma investigação desencadeada pelo Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) e pela Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro (PCERJ), após os desdobramentos da Operação Sala Vip.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.