Sistema Nacional de Localização e Identificação de Desaparecidos é disponibilizado para buscas de vítimas em Brumadinho

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

O Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) colocou à disposição do Gabinete de Crise do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) o Sistema Nacional de Localização e Identificação de Desaparecidos (SINALID) para receber informações de pessoas ainda não localizadas em função do rompimento da barragem da Mina do Feijão em Brumadinho.

Reunidos em Brumadinho, a presidente do CNMP, procuradora-geral da República, Raquel Dodge e o procurador-geral de Justiça de Minas Gerais, Antônio Sérgio Tonet, além da Secretária de Direitos Humanos e do Secretário de Relações Instucionais do CNMP, Ivana Farina e Nedens Vieira (encarregados da integração institucional) acompanharam o trabalho que vem sendo feito por diversos agentes públicos e pela sociedade civil e criaram o endereço de e-mail [email protected] para receber informações a serem incluídas no SINALID.

O gestor técnico do Sistema, servidor do Ministério Público do Rio de Janeiro André Luiz Cruz, já está em Brumadinho para garantir o pleno funcionamento da operação. Por meio desse endereço, a população pode enviar os dados dos desaparecidos , que serão objeto de cruzamento com informações de hospitais, IML, Delegacias de Polícia , Defensoria Pública, etc.

Fonte: Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP)

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.