Setranspetro lança campanha de conscientização sobre uso do transporte

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

O Sindicato das Empresas de Transportes Rodoviários de Petrópolis (Setranspetro) lançou nesta semana uma campanha de conscientização com relação ao uso de transporte clandestino na cidade. O objetivo é combater este tipo de transporte irregular, mostrando que este meio de deslocamento é ilegal e perigoso. 

A campanha surgiu após a observação de lotadas – motoristas de carros particulares que passam pelos pontos chamando passageiros para viagens – e destaca a atenção para os riscos que as pessoas correm ao usar este tipo de transporte, podendo não chegar ao fim de suas viagens ou ter grandes prejuízos, além de estarem sujeitas a sofrer assédios e outras situações de violência e insegurança. 

Segundo Carla Rivetti, gerente do Setranspetro, este tipo de serviço irregular traz prejuízos para o sistema de transporte público e também para a população. “São vans e carros particulares que não são fiscalizados, cujos motoristas não são conhecidos ou identificados e que tiram os passageiros dos ônibus de maneira ruinosa e desleal, podendo gerar prejuízos, além de colocar em risco a vida das pessoas”, disse Carla. 

Além disso, ela pontua outras questões prejudiciais para a mobilidade urbana, por exemplo, uma vez que prioriza mais uma vez o transporte individual ou de grupos pequenos em detrimento do coletivo. 

Com relação ao transporte por aplicativo, o Setranspetro esclarece que não é contra este meio de deslocamento, mas defende que ele seja regulamentado para que todos tenham o mesmo tratamento. Na segunda-feira (15), o Setranspetro, o Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários e a Associação de Taxistas de Petrópolis (Astape) protocolaram um ofício na Câmara de Vereadores de Petrópolis pedindo reflexão acerca de 11 pontos sobre a regulamentação do transporte por aplicativo na cidade.

Fonte: Setranspetro

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.