Sest Senat realiza mobilização nos terminais de ônibus de Petrópolis na Semana Nacional do Trânsito

Neste ano, os cuidados e orientações se estendem para dentro do coletivo, em razão da pandemia do Coronavírus.

O Sistema de Transporte Público de Petrópolis está participando de uma série de ações do Sest Senat Três Rios, na Semana Nacional do Trânsito. Com o tema “Nunca foi tão importante cuidar do coletivo”, a instituição proporciona instruções de conscientização aos rodoviários, em prol de um trânsito mais seguro. Neste ano, os cuidados e orientações se estendem para dentro do coletivo, em razão da pandemia do Coronavírus.

As ações foram iniciadas na segunda-feira (21), no Terminal Itaipava. Nos dias seguintes, os trabalhos prosseguiram nos terminais Bingen, Centro e Itamarati, respectivamente, sendo encerrados nesta sexta-feira (25), no Terminal Corrêas. Nos locais, os rodoviários receberam orientações de autoprevenção da Covid-19, sendo oferecidos posteriormente atendimentos gratuitos de saúde, nas especialidades de odontologia e fisioterapia.

Nos terminais de ônibus também foram distribuídos folhetos com orientações sobre a obrigatoriedade do uso de máscara de proteção respiratória dentro dos coletivos e a importância em manter as janelas abertas. Além disso, foram disponibilizadas à população dicas como a higienização das mãos e a negociação, sempre que possível, dos períodos de trabalho com o empregador, para fugir dos horários de pico.

“Mesmo sendo afetado pela crise, o sistema de transporte público continua transportando a população. Foram realizados diversos investimentos em segurança sanitária nos coletivos, preservando a saúde dos rodoviários e clientes. Assim como o tema deste ano, nós estamos cuidando do coletivo e garantimos que é seguro andar de ônibus”, frisou Carla Rivetti, gerente do Setranspetro.

De acordo com recente estudo divulgado pela Associação Nacional das Empresas de Transporte Urbanos (NTU), não existe qualquer indicação de que o aumento do número de passageiros transportados tenha relação com o acréscimo do número de casos de Covid-19 no país. A pesquisa foi concluída a partir da análise de dados do número de passageiros, em 15 sistemas de transportes públicos urbanos por ônibus, que correspondem a 171 municípios, e da ocorrência de casos do vírus confirmados nessas cidades.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também