Serrano anuncia mais dois jogadores para a Série B1

Ambos se juntam ao lateral-esquerdo Magdiel, o primeiro jogador que fechou com o Leão da Serra para a temporada.

Por Roberto Marcio

 

O Serrano confirmou mais dois contratados para a equipe de futebol que disputará neste ano o Campeonato Estadual da Série B1: o zagueiro Lucena e o meia Marcelo Cabral são os reforços anunciados nesta sexta-feira pela assessoria de comunicação do clube. Ambos se juntam ao lateral-esquerdo Magdiel, o primeiro jogador que fechou com o Leão da Serra para a temporada.

Tanto Lucena quanto Marcelo Cabral vestiram a camisa do Serrano no Estadual de 2019, sob o comando de Alex Arruda, que era o treinador e hoje ocupa a função de gerente de futebol. Quanto a Lucena, este fez uma boa temporada na Segundona, sendo um zagueiro de força e técnica combinados. Já Cabral foi o camisa 10 do Leão da Serra e autor de gols importantes pelo time.

Dias atrás, Alex Arruda revelou ao programa “Momento do Esporte”, levado ao ar pela Tribuna FM, que seis atletas que trabalharam com ele no Serrano serão contratados. Até o momento, são três confirmados e a expectativa que nesse fim de semana mais nomes serão divulgados pelas redes sociais do clube. Segundo uma fonte que preferiu anonimato, 10 já assinaram contrato. Os treinos para eles começaram nessa sexta-feira, através do uso da plataforma Zoom.

Nesta sexta-feira um dos adversários do Serrano no Estadual disputou um jogo-treino pela manhã na Gávea: o Olaria foi impiedosamente goleado pelo Flamengo por 9 a 0, no dia em que o rubro-negro anunciou a contratação do técnico Domenec Tourrent. Apesar de existir uma norma da Federação de Futebol do Rio que impede o início dos treinos presenciais para a Série B1, o time suburbano ignora essa regra e jogou contra os atuais campeões brasileiro e sul-americano.

Por outro lado, a Federação admite que pode liberar os participantes da Série B1 a treinarem a partir do dia 10 e a bola começaria a rolar no dia 10 de agosto. Nos próximos dias, a entidade comunicará oficialmente aos clubes, através de um arbitral via videoconferência esses e outros dados relacionados a competição, como por exemplo o protocolo sanitário e de saúde para os jogos. 

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também