Foto: Giuliano Marque/Estadão

Sérgio Cabral será transferido para Bangu após esconder celulares e facas na prisão

Após estas irregularidades, ele deve ser transferido para o presídio de segurança máxima de Bangu, no Rio de Janeiro, onde já esteve preso durante o início de sua condenação.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Após inspeção realizada por policiais penais na cela em que o ex-governador do Rio de Janeiro Sergio Cabral está preso desde setembro de 2021, foram encontrados celulares, facas e um enxoval personalizado, na Unidade Prisional de Niterói.

Após estas irregularidades, o prisioneiro deve ser transferido para o presídio de segurança máxima de Bangu, no Rio de Janeiro, onde já esteve preso durante o início de sua condenação. De acordo com o que foi informado por Marcelo Rubioli, juiz da Vara de Execuções Penais do RJ, em entrevista para a “Rede Globo”, um preso foi avistado recebendo uma sacola com celulares, R$ 4 mil em dinheiro e cigarros de maconha e, ao lado, se encontrava Cabral.

Em uma nota que foi enviada para a Globo, a defesa do político negou que estas irregularidades tenham sido encontradas na cela de Cabral e que  “nenhum dos objetos encontrados em áreas comuns foi relacionado ao ex-governador”.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.