No terceiro dia de competição na Russia, as seleções europeias conseguiram fechar o dia invictas, três dos quatro times nacionais saíram vitoriosos em seus confrontos.

Apesar dos prognósticos indicarem uma goleada a França venceu a Austrália por um modesto 2 a 1, os gols franceses foram marcados por estrelas do time: Griezmann e Pogba, Jedinak diminuiu o prejuízo dos australianos, convertendo penalidade máxima.

Mais tarde ocorreu o histórico empate entre a estreante Islândia e a poderosa e bicampeã mundial, Argentina que tem em seu elenco nada mais que o astro Lionel Messi, que perdeu um pênalti no empate em 1 a 1, comemorado por muitos torcedores brasileiros.

Quem venceu também foi a Dinamarca  por 1 a 0, a seleção peruana num jogo aptado pelo brasileiro Sandro Meira Ricchi, que utilizou o árbitro de vídeo, cuja sigla é VAR, para marcar uma penalidade em favor do Peru, que foi perdida pelo meia Cueva. Poulsen fez o único gol do jogo no segundo tempo.

Encerrando o dia de competições, o confronto entre Croácia e Nigéria foi o que teve o placar mais dilatado, mesmo assim, modesto, 2 a 0 para os croatas com gols de Modric e gol-contra de Etebo.