Seis lojas na Posse são flagradas desrespeitando o decreto da Prefeitura

Todos os comerciantes fecharam as portas após a solicitação dos agentes.

Equipes da Fiscalização de Posturas e da Guarda Civil realizaram uma ação de orientação na Posse para o cumprimento das novas medidas de restrição. O serviço, realizado na manhã desta quinta-feira (18), flagrou seis estabelecimentos abertos antes das 11h ao longo da Estrada União e Indústria. Todos os comerciantes fecharam as portas após a solicitação dos agentes. Segundo o decreto municipal da última segunda (15), o comércio não essencial deve funcionar em horário diferenciado, das 11h às 20h, com limitação de 50% da capacidade.

Ao todo, os fiscais estiveram em 15 lojas do distrito conscientizando os proprietários a respeitarem o decreto e a manterem os cuidados para proteção contra o coronavírus. Esse serviço será realizado em outros bairros amanhã (19).

“Nesse primeiro momento, buscamos o diálogo com os comerciantes. Precisamos do apoio da população para o combate do coronavírus”, destacou a secretária da SSOP, Karina Bronzo.

Ontem (17), os fiscais realizaram o mesmo serviço no Centro Histórico. Sete estabelecimentos foram flagrados funcionando em desacordo com o decreto. A ação aconteceu nas ruas do Imperador e Paulo Barbosa.

“A ação, neste momento, é no comércio, mas precisamos do apoio de todos. O mais importante é que, nas abordagens, todos entenderam a importância das medidas e acataram as determinações”, explicou Hailton Lima, chefe da Divisão de Fiscalização de Posturas da SSOP.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também

Petrópolis recebe vacinas CoronaVac e Oxford/Astrazeneca do Governo Estadual

As doses de CoronaVac são destinadas à aplicação da segunda dose do esquema vacinal pendente. O lote de Oxford/AstraZeneca também deve ser usado exclusivamente para segundas doses, mas direcionadas ao grupo de pessoas com comorbidades, pessoas com deficiência permanente e outras pendências de segundas doses para essa vacina.