Segundo fim de semana do Natal Imperial deixa cidade lotada Petrópolis esteve movimentada durante todo fim de semana graças à programação do Natal Imperial

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

A taxa de ocupação no Centro e arredores fechou em 77,7%, com uma média de 63,11% em toda cidade, do dia 8 ao dia 10 de dezembro. A abertura do Natal Sesc Quitandinha, a inauguração do Túnel de Luz da Rua 16 de Março, o desfile da Parada Iluminada no Centro Histórico e a apresentação do Coral Mil Vozes, no Quitandinha, foram os eventos que mais chamaram a atenção do público. Mas a Vila Imperial Praça da Liberdade e o Doce Natal – Palácio de Cristal, assim como os palcos das atividades nos distritos, estiveram lotados de quinta-feira a domingo.

Turistas e visitantes, assim como os próprios moradores, ficaram surpresos com a quantidade de eventos espalhados pelos quatro cantos da cidade. No Centro, as atividades podiam ser conferidas ainda nos polos de moda da Rua 16 de Março e da Rua Teresa, com atrações musicais. Bairros como Nogueira, São Sebastião e Alto da Serra também receberam apresentações de bandas marciais com um repertório especial de Natal. O Palácio Quitandinha, que abriu sua programação com grande show da cantora Maria Rita na sexta-feira (08.12), contou com oficinas, exposições, presépio, além de apresentações especiais como da portuguesa Carminho e Kleiton e Kledir, nestes primeiros dias de festa.

“As atividades estão acontecendo em diferentes pontos da cidade. No Centro Histórico, claro, mas também em diversos bairros espalhados pela cidade. Preparamos cada evento com muito carinho e eles estão agradando o público. Este é o maior Natal que Petrópolis já viu”, explica o diretor-presidente do Instituto Municipal de Cultura e Esportes, Leonardo Randolfo.

 A iluminação da cidade é outra atração à parte. As ruas do Centro têm ficado lotadas à noite com admiradores das luzes de Natal. Tanto no sábado, quanto no domingo, a Rua 16 de Março também recebeu centenas de pessoas para ver o Túnel de Luz e seus espetáculos, que são diários, sempre entre 20h e 21h30, de meia em meia hora.

Um dos principais objetivos da festa é, não só agradar os moradores, como também atrair turistas e visitantes para a cidade, já que o turismo é um dos principais pilares da economia do município. No mês de dezembro, por causa do Natal Imperial, devem ser injetados R$ 200 milhões, com uma expectativa de 20% de aumento das vendas do comércio e 30% a mais de turistas hospedados em hotéis e pousadas, em relação ao mesmo período do ano passado.

“A cidade está em festa, e está chamando a atenção de pessoas de fora. Vamos fazer com que o Natal Imperial seja um evento fixo no calendário de Petrópolis. Com o apoio dos empresários e dos próprios moradores, vamos transformar o Natal de Petrópolis em uma referência”, frisa o secretário da Turispetro, Marcelo Valente.

Nos distritos, bandas marciais alegraram os moradores nas praças de Nogueira, Alto da Serra e São Sebastião. Já em Itaipava, clientes e lojistas de cinco shoppings do distrito foram surpreendidos ao som do Chorinho de Natal, no sábado à tarde. Vestidos de Papai Noel e seus duentes, o grupo percorreu corredores e lojas do Arcádia, Vilarejo, Shopping Itaipava, Tarrafas e Shopping Estação Itaipava tocando hits natalinos, com arranjos diferentes dos de costume. “Tem de tudo, samba, choro, reggae, marchinha de Carnaval. Criamos essa proposta itinerante e com figurinos para o Natal. Todos adoram, mas em especial as crianças, que ficam encantadas”, explica João Gabriel Gomes, um dos membros do grupo.

Os palcos do Natal no Centro, como a Vila Imperial e o Doce Natal também receberam shows que encantaram o público, como a apresentação de Larissa Viana, que lotou o Palácio de Cristal.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.