Por Gabrielly Costa (PMSPA)

Os agentes ambientais de São Pedro da Aldeia realizaram nesta quinta-feira (18) a entrega de mais de uma tonelada de camarão a sete entidades sociais do município. O material foi apreendido pela Polícia Federal durante a “Operação Arrasto”, que teve como objetivo cumprir sete mandados de busca e apreensão, além de coibir a pesca ilegal durante o período de defeso na Lagoa de Araruama. A investigação da Polícia Federal em conjunto com o Ministério Público Federal durou cerca de seis meses e comprovou a prática da pesca ilegal. A operação contou com o apoio das Guardas Ambiental e Municipal.

A Casa de Apoio Sementes do Amanhã recebeu 300kg de camarão, a ONG Patotinha da Aldeia foi beneficiada com 240kg e o Abrigo Aldeia da Infância Feliz com 200kg. A entrega beneficiou ainda a Casa de Acolhimento Municipal, com 152kg, e a Pousada Aconchego do Vovô, com 200kg, enquanto as Pousadas Paraíso dos Avós e Xodó da Vovó receberam 20kg cada.

O comandante da Guarda Ambiental aldeense, Roselito Santos, falou sobre a participação do efetivo na ação. “Foi feito um trabalho de identificação do local, de onde esse pescado estava sendo armazenado. A operação teve início por volta das 6h30 da manhã, quando foi feita a abordagem, e os sete pontos foram em São Pedro da Aldeia. Acompanhados pelo promotor responsável, fizemos a retirada do pescado e conduzimos o material para as entidades. A quantia doada foi determinada de acordo com o número de pessoas que vivem nos locais contemplados. A Casa de Apoio Sementes do Amanhã, por exemplo, recebeu a maior quantidade porque abriga 75 crianças, já as instituições que não possuíam um local para o armazenamento receberam uma quantidade menor”, explicou.

Atualmente, a Lagoa de Araruama passa pelo período de defeso, que teve início no dia 01 de agosto e segue até 31 de outubro. A pesca tanto artesanal como esportiva está proibida nos cinco municípios da Região dos Lagos que são banhados pela laguna, visando a produção e reprodução das espécies.

Fonte: Prefeitura Municipal de São Pedro da Aldeia

Crédito da foto: Guarda Ambiental