Foto: Reprodução de vídeo / Globoplay

São Clemente conta na avenida como Paulo Gustavo encontrou Dercy Gonçalves e Grande Otelo no céu

A mãe do ator, Déa Lúcia Vieira Amaral, inspiradora do monólogo "Minha mãe é uma peça", personagem criado pelo filho, desfilou na comissão de frente.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

A São Clemente homenageou o humorista Paulo Gustavo que morreu em maio de 2021, aos 42 anos, por complicações da covid-19. O enredo “Minha vida é uma peça” brinca com o espetáculo “Minha mãe é uma peça”, grande sucesso nos palcos de teatros do Brasil e franquia que teve uma das maiores bilheterias do cinema brasileiro, e conta a vida do humorista da infância ao estrelato.

A Amarelo e Preta de Botafogo, na zona sul do Rio, tocou no imaginário dos fãs de Paulo Gustavo e tentou ilustrar a chegada do humorista ao céu e seu encontro com Dercy Gonçalves e Grande Otelo.

Dona Deia, mão de Paulo Gustavo – Foto: Reprodução / Globoplay

A mãe do ator, Déa Lúcia Vieira Amaral, inspiradora do monólogo “Minha mãe é uma peça”, personagem criado pelo filho, desfilou na comissão de frente. A alegoria apresentou problemas em um gerador de energia, forçando a escola a atrasar o desfile, mas o problema não chegou a impactar no tempo total do desfile. A iluminação do carro não funcionou durante a apresentação da Comissão de Frente para os jurados, o que pode tirar pontos da escola.

Foto: Reprodução / Globoplay

Conheça a letra do samba da São Clemente

“Minha Vida É Uma Peça”
Composição: Arlindinho Neto, Braguinha, Caio Tinguinha, Cláudio Filé, Colaço, Danilo Gustavinho, James Bernardes, Kaike Vinícius, Igor Leal e Marcus Lopes.

O céu me sorriu
A irreverência me chamou, eu vou
Imortal a nossa relação

A bênção lhe dou
Num gesto de amor
Pra você vestir preto e amarelo e sorrir
Atuar com Otelo e Derci

Pra plateia vibrar, gargalhar, delirar
Na próxima cena, no primeiro plano
Nem só Marcelina, nem só Juliano
Milhões de herdeiros
Anunciando a mãe de todo brasileiro

Dona Hermínia mandou avisar que pode
Brincar na Avenida e dizer no pé
Mulher com mulher, tudo bem
Homem com homem, também
O negócio é amar alguém

De Thales, o amor venceu
O sentimento mais fiel
Semente que gerou Romeu
Semente que gerou Gael

Exemplo de atitude
Pra uma nova geração
Corrente de amizade
Sempre em alta tensão
Vai que cola
Esse meu despedaçado coração

Ah, coração
Sou eu a primeira plateia
Divina idea, dei luz ao seu brilho
A nossa vida é uma peça
Graças a você, meu filho

São clementes aqueles que amam
Que cuidam, que sentem
Mostrando a cara da nossa gente
Rir é resistir, seguir em frente
Paulo Gustavo pra sempre!
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.