Ruas permanecerão em meia pista por três meses, diz a Prefeitura

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Obras realizadas pela empresa Águas do Imperador interdita parcialmente algumas ruas da cidade. Segundo a Prefeitura, as ruas Quissamã, Bernardo de Vasconcelos e Estrada da Cascatinha, permanecerão em meia pista por pelo menos três meses. A Estrada da Saudade deverá ser utilizada como alternativa para minimizar o impacto na interdição do trânsito neste período.

As ruas Quissamã, Bernardo de Vasconcelos e Estrada da Cascatinha, permanecerão em meia pista em função das obras de extensão de rede da Águas do Imperador – serviço que irá beneficiar mais 56 mil pessoas de 11 bairros. A previsão é que o serviço dure três meses, com as obras sendo executadas entre 8h e 16h30“, diz o comunicado enviado pela Prefeitura.

Em virtude das obras a Estrada da Saudade servirá como alternativa. Agentes de trânsito irão intensificar a fiscalização para impedir veículos estacionados de maneira irregular e solicita que a população denuncie qualquer flagrante pelo telefone 156“, complementa.

Sobre a obra

As obras de instalação da Adutora Quissamã está sendo realizada pela Águas do Imperador. Com expectativa de duração de três meses na execução do serviço, a adutora terá 3,8 quilômetros de extensão e vai interligar e reforçar o abastecimento de 11 bairros. Serão 56 mil habitantes da região beneficiados com a ação.

A obra teve início na altura da Rua Anibal Lobo. “A intervenção representa um investimento grande na cidade no que diz respeito a qualidade do fornecimento daquela região que é populosa e que, em época de seca, já sofreu com o fornecimento irregular de água. Todo o planejamento foi feito para que essa fase da obra dure três meses e a prefeitura vai acompanhar o trabalho”, afirmou o prefeito.

De acordo com a Águas do Imperador, a obra vai interligar e reforçar o abastecimento entre Quissamã, Itamarati, Cascatinha, Estrada da Saudade, Provisória, Humberto Rovigatti, toda a Barão do Rio Branco até o Centro da cidade.

“Essa é uma obra muito importante para toda cidade no que diz respeito a distribuição de água. A adutora, que é uma tubulação de 12 polegadas, são 30 centímetros de diâmetro, que vai ligar o Centro da cidade ao grande Carangola, passando pelas regiões mais populosas, como Quissamã, Itamarati e Cascatinha, reforçando, também, o abastecimento de todo Bela Vista e Boa Vista, levando água até o Carangola e adjacências, como o Caititu. A adutora ligará todo o sistema do Centro da cidade até o Carangola, integrando com sistema Bonfim”, explicou o superintendente da Águas do Imperador, Márcio Salles.

Ainda segundo Márcio, com a adutora, a falta de água na região em época de estiagem vai ficar no passado. “Essa obra é resultado de investimento, planejamento e muito esforço para levar água, saneamento e qualidade de vida para a população. Podemos dizer que falta de água já é coisa do passado. Em breve iniciar outras estações de tratamento de esgoto e mais uma de tratamento de água”, afirmou.

Também participaram da visita o vice-prefeito Baninho, o coordenador de Relações Institucionais da prefeitura, Roberto Júnior e os vereadores Fred Procópio e Justino do Raio X.

Fonte: Prefeitura de Petrópolis

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.