Foto: Gabriel Monteiro

Rua Walls prepara três murais de 4,5 x 2,5m para o festival Rock The Mountain

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

O projeto de urbanismo tático Rua Walls foi convidado pelo festival Rock The Mountain para realizar intervenções artísticas em três painéis de 4,5 x 2,5 metros, que serão exibidos durante o evento.

As artistas Amora (@amori.nha), Lolly (@lollyndona) e Lorena Deluiz (@lorenadeluiz) subiram a serra junto da equipe do Rua Walls para desenvolver as obras, reproduzidas em um suporte onde ficará exposto as fotos que o público divulgar nas redes sociais com a hashtag #RockTheMountain.

Os painéis desenvolvidos pelas artistas do Rua Walls serão apresentados durante os dois fins de semana (16, 17, 23 e 24 de abril) do festival sediado em Itaipava, no município de Petrópolis, cujas atrações principais são Caetano Veloso, Gal Costa, Djavan, BaianaSystem, Alceu Valença, Criolo, Marina Lima, entre outros grandes nomes da música nacional.

“O que eu produzo se relaciona muito com a musica, porque eu me baseio nela pra criação das minhas personagens, o estilo vem muito do movimento hip-hop e eu gosto de trabalhar com artistas musicais já fiz clipes, capas de singles e álbum então é o tipo de parada que tá sempre no meu universo de criação. E pra mim estar em um festival é muito bom, eu gosto de trabalhar nesse ramo que admiro muito. Minha personagem está com um vinil porque fiquei sabendo que vai ter uma tenda tecno aí pensei “uma DJ!”. Eu gosto de trazer os elementos do hip-hop e o mais próximo da música é o DJ e o MC, mas eu prefiro o MC pela técnica de discotecar e ter um acervo enorme, tipo uma biblioteca na cabeça. Pra mim é incrível porque é como o processo de desenho também funciona, pegar referências e juntar como uma música discotecada”, disse Amora.

“Quando eu pensei na criação do layout e fui pesquisar referências pra pintar, pensei em pintar um personagem tocando algum instrumento com um arco pras pessoas tirarem foto, num fundo colorido, divertido. Aí eu peguei um monte de referências da Noodles do Gorillaz pra desenhar minha personagem em posições que ela tá tocando baixo. Gosto muito de baixo, sou muito fã do Flee do Red Hot Chilli Peppers – ele é meu baixista preferido. Aí eu queria trazer esse instrumento de destaque porque ele é colocado pra trás e esquecido pelas pessoas em geral e eu queria trazer protagonismo pra esse instrumento que eu amo no meu mural”, afirmou Lolly.

“Eu quis trazer pra minha arte um pouco de como eu me sinto em relação à música. As minhas pinturas e meu trabalho são movidos pelo o que me inspira e música é uma grande parte das minhas inspirações. Então eu trouxe o que me remete ao movimento, música, estilo, referências que eu já gosto e personifico na minha personagem, que eu vejo como uma pessoa estilosa, musical e que tem sua atitude. Trouxe como me sinto em relação à música lembrando quando assistia os clipes super coloridos com personagens na MTV. Que às vezes não entendia nada mas me identificava com aquilo. E essa memória fez uma conexão muito boa com que eu queria passar com meus personagens, minha arte, minha estética e um festival de música., concluiu Lorena.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.