Rodoviários são incluídos como prioridade de vacinação contra a Covid-19 na cidade do Rio

Segundo Paes, os detalhes sobre a inclusão dos rodoviários serão dados na próxima sexta-feira (23), durante a divulgação do novo boletim epidemiológico do município.

Os motoristas e cobradores de ônibus do Rio de Janeiro serão incluídos nos grupos prioritários de vacinação contra a Covid-19. O anúncio foi feito nesta quinta-feira (22) pelo prefeito Eduardo Paes (DEM), que ainda está em isolamento se recuperando da segunda contaminação pelo novo Coronavírus, nas suas redes sociais.

Segundo Paes, os detalhes sobre a inclusão dos rodoviários serão dados na próxima sexta-feira (23), durante a divulgação do novo boletim epidemiológico do município.

A categoria já havia reivindicado receber a vacina junto com os outros grupos de trabalhadores prioritários, como os das áreas de segurança e de educação, por serem parte de um serviço essencial que não parou em nenhum momento durante a pandemia.

O tema também foi objeto de uma deliberação da Assembleia Legislativa, que incluiu os motoristas e cobradores entre as prioridades de imunização.


O Sindicato dos Rodoviários do Rio chegou a anunciar uma paralisação total de advertência caso a reivindicação não fosse atendida. Segundo a entidade, 56 profissionais que atuam no transporte coletivo morreram de Covid-19 e quase 200 foram contaminados desde o início da pandemia.

A Prefeitura do Rio já havia anunciado nesta semana o início da vacinação das pessoas com comorbidades, além da continuidade da campanha para os profissionais de saúde, segurança, limpeza urbana e educação.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também