Foto: Divulgação / SindRodoviários

Rodoviários aceitam proposta das empresas e greve é encerrada

Dentre os itens conquistados pela categoria, estão o ajuste salarial, abono indenizado, reajuste na cesta básica e fim do intervalo fracionado.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Em assembleia realizada na tarde desta quinta-feira (7), na sede do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Petrópolis (SindRodoviários), os profissionais rodoviários decidiram aceitar a proposta feita pelas empresas e encerrar a greve da categoria.

A assembleia extraordinária, antes agendada para acontecer na sede do SindRodoviários, acabou sendo transferida para o Terminal do Centro e em seguida retornou para o sindicato, onde foi divulgado a decisão da categoria.

O acordo realizado contempla, dentre algumas outras conquistas dos trabalhadores, o reajuste salarial dos rodoviários, em 9,5%, a partir do mês de maio de 2022; o reajuste de 10% no valor da Cesta Básica, a ser concedida a partir do mês de abril de 2022; abono indenizatório de 9,5% referente ao mês de abril/2022, calculado sobre o salário março/2022 e concedido em duas parcelas iguais e sucessivas nos dias de 16/05/2022 e 15/06/2022; o fim do intervalo fracionado a partir do dia 1º de maio de 2022 com jornada continua de trabalho, sem apuração ou dedução de intervalo de placa, mantida a indenização de 30 minutos; e a supressão dos pisos diferenciados e da função do motorista júnior.

Também ficou acordado que os rodoviários que aderiram à greve não serão punidos pelas empresas e não precisarão compensar os horários posteriormente.

A greve

Durante todo o dia desta quarta-feira (6), e na manhã desta quinta-feira, os profissionais rodoviários mantiveram o estado de greve.

Durante mais de 39 horas, as garagens das cinco empresas que atendem a população de Petrópolis permaneceram fechadas. Alguns coletivos chegaram a sair para as ruas, mas foram recolhidos em seguida.

Manifestantes chegaram a se reunir no Terminal Rodoviário Imperatriz Leopoldina, a rodoviária do Centro, e seguiram em passeata até o cruzamento da Rua do Imperador e a Rua Paulo Barbosa. O trânsito ficou interrompido por algumas horas, mas a Guarda Civil conseguiu negociar a abertura parcial durante o manifesto.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.