Secretaria de Saúde recebe mais de 150 mil doses de vacina Pfizer do Ministério da Saúde Foto: Geovana Albuquerque/Agência Saúde DF

Rio | Secretaria de Saúde recebe primeiro lote de vacinas infantis contra Covid-19

Imunização deve começar na próxima segunda-feira (17)
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) vai receber, na madrugada desta sexta-feira (14.01), 93.500 doses de vacina infantil contra a Covid-19 enviadas pelo Ministério da Saúde. As doses devem chegar ao Aeroporto Internacional Tom Jobim (Galeão), às 0h45 e, na sequência, seguem para a Coordenação Geral de Armazenagem (CGA) da SES, em Niterói. As vacinas serão utilizadas na imunização de crianças de 05 a 11 anos em todo o estado.

– Eu vou levar meus filhos para serem vacinados, quando o calendário chegar na idade deles. É muito importante que pais e mães cuidem da saúde das crianças e garantam que sejam imunizados contra Covid-19. É uma ação educativa que ensina aos mais jovens que a saúde é de responsabilidade coletiva. Quanto mais vacina, melhor – afirmou o governador Cláudio Castro.

O município do Rio realizará a retirada do seu lote nesta sexta-feira (14) na parte da tarde. Os municípios das regiões Metropolitanas I e II fazem a retirada dos seus respectivos imunizantes no sábado (15.01), na CGA. Para as demais regiões do estado, os imunizantes serão entregues no sábado (15) por aeronaves, vans e caminhões.

– Na próxima semana, vamos completar um ano da imunização no Rio de Janeiro e mais de 75% da população com duas doses. A vacinação das crianças é, para nós, mais um marco histórico no combate à Covid-19. Como fizemos desde o início, vamos manter a logística de realizar a entrega das vacinas para os 92 municípios em até 48 horas – assegurou o secretário de Estado de Saúde Alexandre Chieppe.

A previsão é que, a partir desta segunda-feira (17.01), todos os municípios possam dar início à vacinação. A meta é vacinar cerca de 1,5 milhão de crianças de 05 a 11 anos em todo estado. A recomendação da SES é que sejam vacinadas, primeiro, crianças com comorbidades e indígenas, seguidas das faixas etárias do mais velho ao mais novo.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.