O calendário de eventos da cidade foi o principal tema discutido no encontro desta terça-feira (24.04) entre a Turispetro e guias de turismo de Petrópolis. A reunião, que é mensal, tratou, principalmente, de festas como a Bauernfest, Serra Serata e Bunka Sai, que estão entre as mais atrativas para os turistas. A troca de informações entre a prefeitura e os profissionais da área tem como objetivo fortalecer e incentivar o crescimento do setor no município. A cada mês um tema diferente é abordado.

Desta vez, os guias falaram sobre as demandas de quem escolhe aproveitar cada uma das festas, como a necessidade de ampliação de espaços reservados para embarque e desembarque de ônibus de turismo ou vans.A Turispetro também incentivou que os profissionais ajudem na divulgação dos eventos do calendário para que o visitante conheça todas as opções que a cidade oferece e não fique restrito apenas à Bauernfest, que é a festa mais procurada pelos turistas.

A parceria entre o poder público e os guiasfaz com que os profissionais sejam os olhos da prefeitura por toda a cidade a auxilie nas ações voltadas para o setor na cidade. De acordo diretora de Turismo e Eventos da Turispetro, Camila Thees, as reuniões tem surtido efeito. “A última, por exemplo, quando trouxemos os representantes de museus da cidade, foi excelente. Os guias já fizeram visitas técnicas em dois museus, o quehavia ficado acordado durante a reunião. Essa aproximação entre os setores envolvidos com o turismo só vai trazer benefícios”, destaca.

Esta é a quarta reunião promovida pela Turispetro para os guias de turismo em 2018. Elas acontecem sempre na penúltima segunda-feira de cada mês, mas, como nesta foi feriado (Dia de São Jorge), o encontro foi realizado no dia seguinte. Entre os temas já discutidos este ano estão o “setor cervejeiro” da cidade, “trânsito e transportes” e “museus”. O próximo será “hotéis”.

“Essa interação entre o poder público e os profissionais é importantíssima. Acredito que juntos possamos pensar em melhorias para a cidade”, frisa Raquel Neves, que é guia há 12 anos.

Fonte: Turispetro

Crédito da foto: Divulgação / Ascom Turispetro