A reconstrução da Rua Santa Luzia, no Bataillard, está mais próxima de ser finalizada. O muro e a estrutura de contenção (tirantes) já estão prontos. Nesta segunda-feira (02.10), foi iniciada mais uma etapa, a de aterramento do buraco aberto na pista. A previsão é de que essa fase seja concluída até o fim da semana. Depois, será feito a calçada, o calçamento da rua e a pavimentação.

O início da segunda fase da obra foi acompanhado pelo prefeito Bernardo Rossi, que conversou com os moradores sobre o andamento da reconstrução. “A obra está entrando na reta final. Sabemos que isso causou um transtorno para as pessoas, mas fizemos questão de fazer uma intervenção com a melhor qualidade possível. O muro de contenção já está pronto e agora entra na etapa mais rápida”, disse o prefeito.

A Rua Santa Luzia desmoronou no dia 20 de maio, após uma chuva. Imediatamente, a Secretaria de Defesa Civil interditou a rua, por medida de segurança. A passagem de veículos ficou impedida desde então – o ônibus que atende o bairro teve o local de embarque/desembarque deslocado cerca de 150 metros.

Quem tem carro, não teve muitas alternativas. Morador da Rua Santa Luzia há um ano, Sander de Sá tem que deixar veículo dele estacionado na Rua Professor Stroeller. “Está ficando boa a obra. Eu acabo tendo que deixar meu carro na rua de baixo, mas graças a Deus está sendo resolvido. O importante é isso”, afirmou.

Depois do desabamento, a Secretaria de Obras acelerou os trâmites burocráticos e, em 10 dias, fez a contratação emergencial da empresa Empate Engenharia. A obra teve início no dia 31 de maio, com a remoção de mais de 30 caminhões de escombros. Sete funcionários atuam no local. Para fazer o aterro, a expectativa é que sejam necessários 20 caminhões de terra – 120 toneladas. Uma máquina é utilizada para fazer a compactação da terra.

“O que a gente mais quer é trazer a normalidade de volta para região. A rua agora terá melhores condições para a passagem de veículos pesados, como caminhão e ônibus. Em breve, os moradores vão retomar o seu dia a dia como antes”, falou o secretário de Obras, Ronaldo Medeiros.

A vistoria desta segunda contou com a presença também do vice-prefeito Baninho, do vereador Reinaldo Meirelles e do representante da Empate Engenharia, Marcello Cybrão.