Receita Federal apreende 842 kg de lidocaína no Aeroporto de Guarulhos

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Nesta quarta-feira (19), operação conjunta do Escritório de Pesquisa e Investigação da Receita Federal e da Alfândega do Aeroporto de Guarulhos interceptaram carga com 842 kg de lidocaína procedente de Pequim/China e declarada como “goma xantana” no conhecimento aéreo.

A lidocaína é um anestésico local normalmente utilizado para facilitar alguns procedimentos médicos devido as suas propriedades. Entretanto, quando misturada à cocaína dá ao usuário a impressão de que a droga possui alto grau de pureza.

A falta de licença de importação, a procedência e o tipo de embalagem levantaram suspeitas sobre a carga que foi monitorada desde sua escala em Paris até São Paulo.

A carga declarada como “goma xantana” foi retida pela Receita Federal e a seguir foram aplicados testes de reagentes químicos, ficando comprovada a existência de lidocaína.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.