Em Quissamã, cidade da Costa do Sol, a tecnologia é importante aliada do turismo. O município promoveu concurso para o desenvolvimento de um aplicativo com informações, incluindo roteiros de visitação e serviços. Além disso, a prefeitura está instalando QR codes em diversos pontos turísticos.

De acordo com o secretário de Turismo, Nilo Sergio Felix, as ações mostram que os gestores de Quissamã entendem a importância do turismo como fator de desenvolvimento, oferecendo um meio rápido e prático de acesso às informações dos atrativos.

– Cada vez mais os turistas buscam formas de facilitar suas viagens. O celular é o companheiro de todos os passeios, não apenas para tirar fotos, mas também como ferramenta de informação. A estratégia usada pelos gestores de Quissamã é perfeita. O aplicativo e os QR codes darão agilidade e rapidez para que os visitantes conheçam a cidade – disse o secretário.

O secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo de Quissamã, Arnaldo Mattoso, destaca que todas as informações serão obtidas pelos visitantes que apontarem as câmeras de seus celulares para os QRcodes.

– As pessoas podem obter informações dos locais que estão visitando de uma forma mais rápida e fácil. Já pelo aplicativo o turista terá, na palma da mão, todas as alternativas de onde ficar, onde comer e o que visitar – afirmou Mattoso.

Bidimensional
Segundo a diretora da Divisão de Turismo, Alessandra China, para ter acesso ao conteúdo em um QR code, o interessado deve baixar o aplicativo para ler o código bidimensional.

– Os códigos estão linkados à página oficial da Prefeitura de Quissamã, onde os dados estão armazenados. É mais uma medida para estimular esse segmento tão importante. Estamos com um projeto-piloto em andamento. Adesivos com QR code já foram fixados no Monumento ao Negro, no Canal

Campos-Macaé; no Museu Casa Quissamã; no Memorial Machadinha; no Centro Cultural Sobradinho; e no coreto da Matriz de Nossa Senhora do Desterro – explicou a diretora da Divisão de Turismo.

Fonte: GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

Crédito da foto: Adilson dos Santos