Os constantes atrasos nos pagamentos de funcionários e profissionais autônomos, que recebem através de RPA (Recibo de Pagamento de Autônomo) por parte da Prefeitura de Petrópolis tem deixado famílias preocupadas com seus compromissos e despesas do dia-dia.

Segundo uma profissional autônoma da área da educação, seu pagamento deveria ter sido pago até o quinto dia útil, mas até o momento nada foi depositado em sua conta.

Ainda de acordo com esta profissional, o valor previsto para pagamento neste mês de agosto será de R$400 (quatrocentos reais), valor correspondente aos dias trabalhados no mês de julho, descontado os dias de recesso. A profissional reclama, pois disse trabalhar a mesma carga horária de um funcionário contratado normalmente.

Questionamos a Prefeitura sobre o atraso no pagamento e o órgão promete realizar o pagamento até a próxima sexta-feira (16).

Sabendo que o profissional autônomo recebe pelos dias trabalhados, questionamos a Prefeitura o motivo da profissional estar com dúvidas sobre o valor que será pago, considerando que ela pode não ter sido esclarecida no momento da contratação sobre como é a forma de pagamento, esclarecendo sobre a diferença de um profissional contratado em regime de CLT de um profissional autônomo. O órgão esclarece que explica, no ato da contratação, sobre os trâmites legais.

Os profissionais contratados recebem de acordo com os dias trabalhados e função que exercem, seguindo o calendário escolar. No ato da contratação, todos os trâmites são pontuados e explicados aos contratados. O pagamento deverá ser feito nos próximos dias”, diz a nota da Prefeitura.