A Secretaria de Defesa Civil e Ações Voluntárias acionou as sirenes no Quitandinha – Espírito Santo, Ceará e Amazonas – Dr. Thouzet, Independência, e Vila Felipe, Alto da Serra e Sargento Boening. A orientação é que os moradores deixem suas casas e procurem por um local seguro. Os pontos de apoio destes bairros estão disponíveis para os moradores.

A Rua Coronel Veiga transbordou e equipes da Guarda Civil e da Defesa Civil monitoram o trânsito no local. As ruas Mosela, Bingen e General Osório alagaram, assim como a Rua do Imperador, na altura do Cefet, no Centro. Na Estrada do Brejal, uma pedra deslizou, mas a via opera em meia pista.

Neste momento, a Defesa Civil está em estágio de atenção, já que a chuva permanece em algumas regiões da cidade e existe a previsão de chuva permanente também no domingo. A secretaria orienta à população a ter atenção em função dos acumulados que deixam o solo encharcado.

“É fundamental que a população que vive em uma área de risco tenha atenção redobrada, já que existe a previsão que a chuva continue ao longo do dia. Os moradores devem ligar para o 199 e informar caso tenham alguma ocorrência”, afirma o secretário de Defesa Civil e Ações Voluntárias, coronel Paulo Renato Vaz, reforçando que o contingente de 55 agentes permanece de plantão 24h para realizar os atendimentos a população.

Em caso de qualquer sinal de instabilidade no imóvel ou terreno, o morador deve ligar para o telefone 199 e pedir uma vistoria preventiva à Defesa Civil. A ligação e o serviço são gratuitos.

Fonte: Prefeitura de Petrópolis