Brasília, 24/09/2020. Relatório Trimestral de Inflação. Presidente do Banco Central Roberto Campos Neto. Foto:Raphael Ribeiro/BCB

Presidente do BC afirma que maior inflação desde 1994 foi “surpresa”

Foi a maior alta em quase 30 anos e a maior inflação mensal desde janeiro de 2003.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Roberto Campos Neto, presidente do Banco Central, afirmou, nesta segunda-feira (11), que o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) para março, que foi a maior inflação para o mês em quase 30 anos, surpreendeu, e ainda disse que o núcleo de inflação no país está muito alto.

“Teve um índice mais recente que saiu e foi uma surpresa. A gente via uma velocidade da passagem do preço da gasolina para a bomba um pouco mais rápido, por isso esse próximo índice seria um pouco maior e o próximo um pouco maior. Em parte foi isso, mas teve outros elementos, como vestuário e alimentação fora do domicílio, que vieram numa surpresa grande” afirmou Campos Neto em evento do mercado financeiro.

A inflação disparou em março e subiu 1,62%, segundo o IBGE. Foi a maior alta para março desde 1994 e a maior inflação mensal desde janeiro de 2003. Com isso, o IPCA acumula alta de 11,30% em 12 meses, maior índice desde outubro de 2003. O número foi acima do esperado pelo mercado e analistas revisam as projeções para juros de 13,5% e inflação em 8% este ano.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.