A prefeitura promove nesta quinta-feira (04.04) o evento ‘Caminhos para uma vida saudável’ na Praça Dom Pedro, de 9 às 13h. A iniciativa contará com equipes de nutricionistas orientando sobre alimentação, da Academia da Saúde que incentivará a prática regular de atividades físicas e da Fiocruz que apresentará sugestões naturais de temperos e plantas medicinais. O encontro marcará a reimplantação da Área Técnica de Nutrição da Secretaria de Saúde que passará a atuar também junto às unidades de Saúde a fim de estimular a adoção da mudança de hábitos para a prevenção de doenças.

Nos últimos 10 anos, o número de brasileiros obesos aumentou em 60%, e mais da metade da população está acima do peso, segundo dados do Ministério da Saúde. Hoje, a cada cinco brasileiros, um está obeso. A Organização Mundial de Saúde (OMS) aponta a obesidade como um dos maiores problemas de saúde pública no mundo: a projeção é que, até 2025, mais de 700 milhões de adultos estejam obesos e cerca de 2,3 bilhões com sobrepeso.
O prefeito Bernardo Rossi reforçou que o município vem trabalhando para que a população tenha acesso a uma alimentação mais saudável, oferecendo hortaliças, legumes e frutas nos cardápios das crianças nas escolas e valorizando a produção agrícola no município.

“Há 800 famílias que representam cerca de 5 mil pessoas, que atuam na produção rural em áreas da Posse, Jacob, Caititu, Vale das Videiras, Brejal, Taquaril, Secretário, Bonfim e Caxambu. A atividade movimenta R$ 16 milhões por ano. Nós temos esse compromisso de valorizar os produtores e de estimular que a população adote uma alimentação mais saudável e com isso diminuem-se os problemas de saúde”, avalia Bernardo Rossi.

A Secretaria de Saúde vem trabalhando dentro dos Postos de Saúde da Família os grupos de convivência para conscientizar a população sobre riscos e doenças relacionados à obesidade. Em Petrópolis há 143 mil pessoas cadastradas na Estratégia de Saúde da Família, destas, 12,13% são hipertensas. Há ainda 4.768 diabéticos que são assistidos pelos grupos de apoio dentro das unidades de saúde e, por conta disso, o secretário de Saúde Silmar Fortes reforça a importância da integração entre as unidades e as academias de Saúde. A proposta é incentivar a adoção de uma dieta equilibrada e a prática regular de atividades físicas.

“O indivíduo obeso tem maiores chances de desenvolver problemas de hipertensão, diabetes além de outras doenças como as cardíacas. Estamos integrados à Secretaria de Educação com o programa Saúde na Escola, mas temos ainda quatro academias da saúde no município com inscrições abertas para novos alunos e atividades para toda família. Diminuímos os riscos da obesidade com uma mudança de hábitos alimentares e adoção de atividades físicas”, destaca Silmar Fortes.

Durante o evento, a população poderá tirar as dúvidas com relação à alimentação nas tendas de atendimento e haverá ainda uma aula especial com a equipe da Academia da Saúde. De acordo com encarregada da área técnica de nutrição da Secretaria de Saúde, Cátia Pinto, esse é o primeiro passo para que o município comece a se organizar para criar políticas públicas de combate a obesidade.

“Nós estaremos atuando bem próximo aos postos e unidades de Saúde a fim de traçar um perfil da nossa população por região. Com esses dados conseguiremos criar políticas publicas para combater a obesidade que é uma epidemia mundial. Estamos organizando visitas junto aos grupos de convivência e conhecendo os trabalhos que já são oferecidos como o do posto do bairro Vila Felipe que irá fazer uma demonstração sobre aproveitamento integral dos alimentos com degustação do público, para que a população saiba aproveitar todos os nutrientes”, afirma Cátia Pinto.

Fonte: Prefeitura de Petrópolis