Prefeitura e Petrópolis Convention se reúnem para discutir avanços no turismo

Bomtempo falou sobre consolidar Petrópolis como ‘cidade sanitariamente segura’ com ações de enfretamento à covid, a aplicação de vacinas e o envolvimento do setor produtivo em campanhas de conscientização.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Resiliência, cooperação e harmonia foram as palavras mais usadas na reunião entre o diretores e conselheiros do Petrópolis Convention & Visitors Bureau e o prefeito Rubens Bomtempo realizada nesta quinta-feira (20) pela manhã no Hotel Pedra Bonita. Acompanhado de seis secretários de governo, Bomtempo mostrou com a forte presença de gestores ao encontro que a intersetorialidade vai nortear as ações em prol do segmento econômico que representa 6% do PIB da cidade, movimenta mais de R$ 760 milhões anualmente, emprega diretamente oito mil profissionais e interage com outros setores da economia como o comércio e prestação de serviços, responsáveis por mais de 40 mil postos de trabalho.

“É uma oportunidade para alinharmos ideias e projetos. Durante a campanha de 2020, o PCVB fez uma série de debates com os então candidatos e apresentou as demandas do setor. Hoje estreitamos relacionamento e retomamos com essa pauta importante para o crescimento do Turismo”, afirmou Fabiano de Barros, presidente do Petrópolis Convention & Visitors Bureau.

“Antes de tudo é preciso parabenizar a cada um dos empresários pela resiliência do setor. Petrópolis, com todas as restrições impostas pela pandemia, trabalhou com determinação nesta área especificamente para permanecer ativo e com o diferencial de ser um atrativo seguro na pandemia”, afirmou o prefeito, pontuando ainda que ‘problemas sociais também são inerentes ao setor. “O turismo se faz no dia a dia e é preciso que Petrópolis seja viva, saudável e sustentável. São esses valores que devemos trabalhar”, afirmou o prefeito se referindo a políticas públicas para a população de menor renda e em risco social.

Ações com implicações diretas ao turismo como melhorias no trânsito e a recuperação de patrimônios importantes para o setor nortearam o encontro, uma solicitação do PCVB para que a entidade, que representa o trade turístico de Petrópolis, manifestasse seus anseios sobre medidas imediatas para o segmento e o planejamento em longo prazo como o Plano Diretor de Turismo que está sendo conduzido pela Fundação de Apoio à Pesquisa Científica e Tecnológica (FAPUR), da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFFRJ).

Bomtempo falou sobre consolidar Petrópolis como ‘cidade sanitariamente segura’ com ações de enfretamento à covid, a aplicação de vacinas e o envolvimento do setor produtivo em campanhas de conscientização. Para o prefeito, as atividades econômicas precisam estar alinhadas a uma nova realidade capitaneada pela Saúde e às medidas sanitárias que passaram a ser essenciais.

Silvia Guedon, secretária de Turismo, corroborou com as palavras do prefeito acrescentando que o setor é transversal a todas as atividades econômicas da cidade. Silvia destacou iniciativas que abriram o compartilhamento de ações que dizem diretamente respeito ao turismo como a criação do Comitê Gestor do Parque de Exposições, em Itaipava, e da Comissão Organizadora e de Monitoramento de Eventos. Já Diana Iliescu, presidente do Instituto Municipal de Cultura, pontuou que a pasta irá trabalhar em conjunto com o Turismo.

Petrópolis tem tudo para ‘decolar’ no turismo, na avaliação do secretário de Desenvolvimento, Marcelo Soares, que destacou pontos como o turismo corporativo como áreas em que a cidade deve investir. Secretária-Chefe de Gabinete, Luciane Bomtempo frisou que o diálogo será uma realidade entre governo e iniciativa privada. “O Gabinete está à disposição para estabelecer uma sintonia que resulte em avanço para o setor”.

Também estiveram presentes o secretário de Administração, Ramon Melo e o presidente da Comdep, Leonardo França. A prefeitura levou ao encontro ainda diretores das secretarias de turismo e demais órgãos. O Conselho Serra Verde Imperial foi representado pelo seu vice-presidente, Samil El Ghaoui, e o PCVB teve como participantes conselheiros e diretores.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.