Portas abertas para negociar débitos de IPTU, ISS e Taxas no fim de semana

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

30 guichês e equipe treinada para oferecer melhores condições para contribuinte acertar as contas com o município 

Com condições especiais para contribuintes que querem acertar débitos de IPTU, ISS e taxa, até o ano de 2018, o programa de regularização tributária –Fique em Dia abre as portas neste sábado – 7 de setembro, feriado da Independência – e também no domingo (08.09). O Fique me Dia oferece a possibilidade de isenção de 100% de juros e multas, nos casos de pagamento à vista, além de opções de parcelamento em até 48 vezes, com descontos de juros e multas que variam entre 50% e 80% para quem optar pelo acordo em até 12 meses. O contribuinte que parcela o débito em quatro vezes, por exemplo, tem redução de 80% de juros e multas; quem dividir o pagamento em seis parcelas tem 70% de desconto; em oito parcelas, o desconto é de 60%, e dividindo o débito em 12 meses o contribuinte ainda tem 50% de desconto. Em todos os casos é aplicada a atualização monetária sobre o débito originário. As parcelas mínimas devem ser de R$ 50, para pessoas físicas e R$ 100, nos casos de débitos de pessoas jurídicas. As negociações podem ser feitas das 9h às 16h, até o dia 29 deste mês, inclusive aos sábados e domingos, no clube Petropolitano.

 “Disponibilizamos o atendimento neste feriado e também aos domingos, para facilitar o acesso àquelas pessoas que têm pendências com o município e querem regularizar a sua situação. A estrutura que montamos é muito boa e o atendimento é rápido. Toda equipe esta treinada para apresentar as opções, e ajudar o contribuinte a encontrar a melhor forma de acordo para regularizar sua situação. É uma oportunidade para que o contribuinte coloque sua vida em ordem junto ao município e também para que ele ajude a prefeitura a ampliar e melhorar a qualidade dos serviços prestados à população, pois os recursos arrecadados serão investidos em áreas importantes, como Saúde, Educação e despesas com servidores, por exemplo ”, pontua o prefeito Bernardo Rossi.

A estrutura montada no clube Petropolitano conta com 30 guichês para atendimento personalizado. O Fique em Dia é realizado pela prefeitura em parceria com o Judiciário – Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro e 4ª Vara Cível. O programa visa recuperar aos cofres da prefeitura parte dos R$ 660 milhões em tributos municipais que deixaram de ser pagos por contribuintes. Do total de R$ 660 milhões, R$ 398 milhões são referentes a processos acumulados entre os anos de 2008 e 2017 e já ajuizados em cartório para execução fiscal.

Petrópolis tem hoje 25 mil imóveis com débitos de IPTU e 3.858 empresas com pendências de ISS. Os devedores estão sendo convocados a regularizar seus débitos – 60 mil cartas de cobranças estão sendo enviadas pelo setor de dívida ativa do município.   

 “A tecnologia que existe hoje acelera o andamento dos processos e com isso não existe mais aquela possibilidade de uma dívida prescrever ou caducar, como as pessoas costumam dizer. É muito importante que as pessoas estejam cientes disso. As cartas convocam os contribuintes devedores a comparecerem para negociarem. Com isso município quer dar uma última oportunidade para aqueles que têm débitos regularizem sua situação e evitem as medidas mais pesadas que a Procuradoria terá de adotar ao fim do Fique em Dia –por determinação legal – como a inscrição do nome do devedor em serviços de proteção ao crédito, bloqueio de contas bancárias e até mesmo o leilão do  imóvel”, afirma o procurador Geral do Município, Sebastião Medici.

Mesmo no atendimento aos fins de semana, o contribuinte que busca negociação pode conseguir a isenção das custas judiciais – R$ 360, por processo. Para conseguir a isenção total ou parcial das custas judiciais, além de documentos pessoais, o contribuinte devedor deve apresentar comprovante de renda. A legislação estabelece, que pessoas com mais de 60 anos que têm renda de até 10 salários têm direito ao benefício da justiça gratuita. Os pedidos são avaliados caso a caso, com o acompanhamento de representantes da Procuradoria Geral do Município, da OAB-Petrópolis e do Judiciário – 4ª Vara Cível.  

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.