© Marcos Santos/USP

Polícia Civil realiza operação para prender autores de violência doméstica

Ação também tem como objetivo cumprir mandados contra homens em débito de pensão alimentícia
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Em alusão aos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra a Mulher, o Departamento Geral de Polícia de Atendimento à Mulher (DGPAM) realiza, nesta quarta-feira (09/12), a Operação Em Nome da Mãe. A ação tem como objetivo cumprir mandados de prisão contra autores de violência doméstica. Estão sendo cumpridos ainda alguns mandados de prisão por débito de pensão alimentícia. Até o momento, 20 pessoas foram presas. 

Essa medida, além do caráter pedagógico, tem a finalidade de chamar a atenção para outra forma de violência, que é a paternidade irresponsável. De acordo com a diretora do DGPAM, delegada Sandra Ornellas, conforme dados do Instituto Brasileiro de Direito de Família (IBDFAM), em 2019 havia no Brasil 5,5 milhões de crianças sem pai declarado em seus registros. A irresponsabilidade paternal faz com que a mulher acabe tendo que arcar sozinha com a responsabilidade relacionada aos filhos. 

A ação acontece em todo o estado e conta com a participação das 14 Delegacias Especiais de Atendimento à Mulher (DEAMs).

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.