Foto: Reprodução

Polícia Civil prende sobrinho por torturar tia de 72 anos

Durante a ação foram encontrados animais mantidos em condições precárias e maltratados pelo criminoso
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

A equipe da 21ª DP (Bonsucesso) prendeu, nesta quinta-feira (02), um homem, de 44 anos, acusado de torturar a própria tia, de 72 anos. Ele foi capturado em Manguinhos, na Zona Norte do Rio de Janeiro. No local, os agentes também encontraram animais maltratados.

Segundo os os policiais, o autor já havia sido indiciado em um inquérito por maus-tratos e ameaça contra sua tia, no ano passado. Após alguns meses preso, ele foi solto com uma medida protetiva que determinava o afastamento da vítima, que foi descumprida ao deixar o sistema penitenciário.

As investigações apontam que a mulher sofria há anos e era explorada pelo sobrinho, que perdeu tudo por conta do vício em drogas. Ele ficava com a pensão da vítima, vendeu os bens da família e, ainda, obrigou a senhora a contrair dívidas em seu benefício. De acordo com testemunhas, os insultos e ameaças eram constantes. Por conta disso, a mulher se abrigava na casa de vizinhos para se proteger e se alimentar.

Durante a ação, foi constatado que o local estava em condições insalubres, sem geladeira, televisão e fogão, além do cano de esgoto estourado com fezes espalhadas por toda a casa. Os cachorros, jabutis e papagaios da vítima estavam em condições precárias e muito maltratados.

O homem responderá pelos crimes de tortura, injúria, ameaça, descumprimento de medidas protetivas, maus-tratos a animais e falta de licença para espécie da fauna silvestre.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.