Polícia Civil prende mãe que torturou filho de 3 anos após queimar com cigarro diversas partes de seu corpo

Segundo informações dos agentes, foi confirmado por laudo pericial que a criança apresentava ferimentos provocados por queimadura de cigarro.

Policiais da 71ª DP (Itaboraí), com apoio de agentes da 76ª DP (Niterói), prenderam, neste sábado (24/10), uma mãe acusada de tortura, contra um dos filhos de 3 anos de idade. A vítima teve seu corpo queimado em diversos locais, inclusive nas partes íntimas.

Segundo informações dos agentes, foi confirmado por laudo pericial que a criança apresentava ferimentos provocados por queimadura de cigarro. O caso também foi corroborado por acompanhamento psicológico realizado pelo Conselho Tutelar, demonstrando, dessa forma, a ocorrência de crime de tortura. Ainda de acordo com os agentes, a autora foi localizada em Trindade, São Gonçalo, e contra ela foi cumprido um mandado de prisão preventiva, expedido pela 1ª vara criminal de Itaboraí. Ela foi encaminhada para o sistema prisional onde ficará à disposição da Justiça.

Fonte: Secretaria de Estado de Polícia Civil

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também