Polícia Civil prende autores de homicídio de jornalista e pré-candidato a vereador em Araruama

O crime aconteceu em maio deste ano, no bairro Parati, em Araruama.

Policiais da 118ª (Araruama), com apoio das 124ª DP (Saquarema) e 129ª DP (Iguaba Grande), prenderam, neste sábado (24/10), dois envolvidos na morte do jornalista e pré-candidato a vereador Leonardo Soriano Pereira Pinheiro, conhecido como Léo Pinheiro. O crime aconteceu em maio deste ano, no bairro Parati, em Araruama. 

De acordo com os agentes, a vítima estava realizando entrevista com moradores da região quando foi abordada, em plena luz do dia, por dois homens em um carro. Um criminoso encapuzado mandou que o jornalista se ajoelhasse e o executou. 

Segundo as investigações, a motivação do crime seria que Leonardo, também líder comunitário, estaria arregimentando eleitores na região em que um dos presos, que é policial militar, reside. A mulher do PM é candidata ao cargo de vereadora em Araruama e o policial já foi candidato a deputado estadual e a vereador em 2018 e 2016, respectivamente.

Os dois autores do crime foram presos no bairro Parati. Com eles, os agentes encontraram duas armas, dois carros e um jetski.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também

Museus do estado propõem debate enquanto comemoram data especial

Programada para ocorrer a partir desta segunda-feira, dia 17, até domingo, dia 23, a 19ª Semana Nacional de Museus terá como tema “O futuro dos museus: recuperar e reimaginar”, que propõe a reflexão sobre o futuro dos espaços, sem esquecer o compromisso criativo com o presente.