Polícia Civil do Estado do RJ prende responsáveis por festa clandestina

Oficiais da Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI) cumpriram nesta quarta-feira (17) uma decisão deferida de indisponibilidade de bens dos valores recebidos com a venda de ingressos para uma festa clandestina. A decisão foi cumprida na sede da empresa Ingresso Certo.


A DRCI vem realizando monitoramentos para impedir que eventos com aglomerações sejam realizados no período de carnaval.

Outros eventos estão sendo monitorados, e organizadores podem responder criminalmente pela realização de festas clandestinas que supostamente propagam o vírus da covid-19.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também