Reprodução

PM vai testar picapes blindadas em operações

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Polícia Militar vai testar uma nova viatura no patrulhamento, na semana que vem. Policiais do Recom (Rondas Especiais e Controle de Multidões) serão os primeiros a utilizar os veículos. Todos os vidros, inclusive o para-brisa, terão aberturas para apoiar fuzis.

Além de serem blindados, os vidros também contam com uma grade protetora e uma chapa metálica. O veículo é um protótipo criado a partir de uma picape Frontier, da Nissan, e, segundo a Secretária de Polícia Militar, foi apresentado ontem ao governador Wilson Witzel. “Durante o período de teste, previsto para 30 dias, serão avaliados dois aspectos fundamentais: a capacidade operacional do veículo em apoio ao patrulhamento de vias expressas e, principalmente, a segurança dos policiais”, afirmou a PM, em nota. Um vídeo que circula nas redes sociais mostra alguns detalhes do novo carro de patrulhamento.

A corporação afirmou que, caso a avaliação seja positiva, “será lançado edital de licitação para compra de veículos similares, aberto a montadoras em condições de atender as exigências técnicas”. A PM não informou se os testes terão custos para o estado. Em julho deste ano, a PM recebeu 26 viaturas da marca Toyota – 149 sedans e 187 picapes. O lote foi o terceiro de uma compra de um total de 1.659 carros adquiridos pelo Gabinete de Intervenção Federal. O critério de distribuição dos carros priorizou as unidades com maior déficit de veículos e as áreas de maior incidência criminal. Das 1.352 novas viaturas distribuídas em 2019, a Região Metropolitana foi a contemplada com a maior cota.

Apesar da aquisição, feita pelo governo federal, a PM ainda necessita de mais viaturas. A última inspeção do Ministério Público, realizada em julho, apontou que cerca de 60% dos carros apresentava algum defeito ou estava baixada. Em agosto, a PM abriu uma nova licitação de viaturas, voltada especificamente para o Bope. 

Fonte: O Dia

Crédito da foto: Reprodução

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.