Pix movimenta mais de R$ 200 mil no primeiro dia de operações, diz Banco Central

A fase restrita vem sendo usada pelo BC para testar o sistema até o próximo dia 16, data em que o sistema passará a funcionar de maneira completa.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

O Pix, novo sistema de transações financeiras do Brasil, movimentou, aproximadamente, R$ 210,2 mil em seu primeiro dia de operações, com 2345 transações registradas na terça-feira (3). A informação foi divulgada nesta quarta-feira (4) pelo Banco Central.

Nesta terça-feira, o serviço teve o seu primeiro dia de testes, somente para alguns usuários selecionados, cerca de 1% a 5% dos clientes cadastrados, todos escolhidos pelos bancos.

A fase restrita vem sendo usada pelo BC para testar o sistema até o próximo dia 16, data em que o sistema passará a funcionar de maneira completa.

De acordo com o Banco Central, alguns problemas de sintonia entre os sistemas do Pix e das instituições financeiras foram encontrados, mas nada que não fosse esperado pela equipe técnica.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.