Durante os treinos para ás 6 horas da Bélgica, em Spa-Francochamps, o brasileiro Pietro Fittipaldi bateu na saída da Eau-Rouge, uma das curvas mais rápidas do mundo e acabou fraturando a perna, com isso o piloto está internado e precisará se afastar do automobilismo pelo resto do ano.

O piloto estava competindo em duas categorias, no mundial de endurace, conhecido como WEC, pela equipe Toyota e a Fórmula Indy, onde tem contrato para participar das corridas disputadas em circuito oval, como as 500 milhas de Indianápolis, que serão realizadas neste mês.

Na última temporada ele venceu a fórmula V8, antiga fórmula Renault 3.5, testando carros de Fórmula E, WEC e Fórmula Indy, o piloto sonha em ter chance na Fórmula 1, tentando repetir o feito de seu pai, Emerson Fittipaldi, que venceu por duas vezes o campeonato mundial, em 1972 e 1974.

(imagem Veja)