A categoria de motoristas de Petrópolis poderá ser a primeira do país a ter 100% dos profissionais com a visão corrigida. Uma iniciativa da Companhia Petropolitana de Transporte (CPTrans) em parceria com o Instituto Ver & Viver (IVV), braço social da fabricante de lentes oftalmológicas Essilor, e o Instituto Nissan irá oferecer triagem visual, consultas oftalmológicas e óculos completos (armação e lentes) com condições acessíveis. A ação, que acontece no dia 26 de maio no Terminal Centro, será um piloto do “Como Você Vê o Mundo”, projeto social desenvolvido pelas duas instituições desde 2015. 

Inicialmente, se destinará a motoristas da prefeitura, taxistas, guardas civis e motoristas de ônibus. “Estamos sempre em busca de parcerias que possam beneficiar o petropolitano e essa é mais uma que pode dar a Petrópolis a oportunidade de ser a primeira cidade do mundo com os motoristas profissionais com a visão corrigida, ou seja, isso garante à população saber que o motorista do ônibus, o taxista ou o motorista da van dos seus filhos, estão enxergando de maneira correta, diminuindo, assim, a possibilidade de acidentes e, consequentemente, aumentado a segurança no trânsito de forma geral”, destaca o prefeito Bernardo Rossi.

Em três anos, o projeto “Como Você Vê o Mundo”, já impactou mais de 40 mil pessoas em todo o país. “O terceiro ano do projeto em parceria com o Instituto Ver & Viver está sendo especial pelo fato de estarmos unidos em contribuir para um trânsito mais seguro no Brasil, submetendo os motoristas profissionais a essa avaliação, que é tão importante. A gente sabe da importância que a visão tem para o motorista, já que pesquisas revelam que aproximadamente 59% dos acidentes de trânsito no mundo estão relacionados à falta de correção visual. Em função disso, ser agente de transformação e melhoria do espaço urbano, onde atuamos diretamente, é muito gratificante”, declara Rosane Santos, presidente do Instituto Nissan. 

 

De acordo com Sandra Abreu, Diretora do Instituto Ver & Viver, a ação em Petrópolis cumpre com o objetivo maior do projeto, que é o de melhorar a qualidade de vida das pessoas e gerar um trânsito mais seguro, oferecendo acesso ao ciclo completo da correção visual aos motoristas profissionais. 

 

“Os óculos têm valores acessíveis e lentes de qualidade, o maior objetivo do Projeto “Como Você Vê o Mundo” é levar acesso e fechar o ciclo da correção visual em um só lugar, especialmente para os motoristas profissionais que em geral não têm disponibilidade para buscar um atendimento oftalmológico e muitas vezes adquirem seus óculos no mercado informal. Melhorar a qualidade de vida das pessoas e a segurança no trânsito através de uma visão melhor são as nossas maiores preocupações”, comenta.

 

Para a primeira ação serão agendados 150 atendimentos, entre 9h às 16h. Todo o procedimento leva em torno de 30 minutos e é divido em três etapas: a primeira, a acuidade visual, testa a capacidade das pessoas de enxergar para perto ou para longe; a segunda, é a consulta médica oftalmológica, feita no próprio local em uma espécie de consultório móvel. Sendo comprovada a necessidade de correção visual, o paciente segue para a terceira etapa em outro local, onde são disponibilizadas diversas armações para a escolha, onde o paciente pode ou não adquirir o produto.

 

Agendamentos terão início na próxima segunda-feira

Os agendamentos serão iniciados na próxima segunda-feira (14.05) na sede da CPTrans, localizada na Rua Alberto Torres, número 115, no Centro, entre 8h30 e 17h30, e serão realizados de segunda a sexta-feira até o dia 23.05. Os motoristas poderão escolher um horário a cada cinco minutos para a consulta do dia 26. Caso os horários se esgotem, outras edições serão marcadas posteriormente, até que todos os motoristas tenham a visão corrigida. A intenção dos Institutos para as próximas edições é estender o acesso ao programa para os familiares dos motoristas profissionais.

 

“Esse é um programa que conta com organizações de grande credibilidade no mercado tais como o Instituto Ver & Viver da Essilor, multinacional francesa líder mundial em lentes oftálmicas, e o Instituto Nissan, que enxergaram em Petrópolis, a cidade com potencial para ser pioneira ao ser reconhecida como o primeiro município em que todos os motoristas profissionais tenham a visão corrigida. Essa é uma parceria que veio para ficar e vamos iniciar essa ação no mês de Maio, quando temos o Maio Amarelo, exatamente o mês que busca combater os acidentes de trânsito”, conclui Maurinho Branco, Diretor-Presidente da CPTrans.

Fonte: Prefeitura de Petrópolis

Crédito da foto: Divulgação / Ascom PMP