Petrópolis | Mais de 35% das crianças já receberam a primeira dose da vacina contra Covid-19

Para a aplicação da vacina, meninos e meninas precisam estar acompanhados dos pais ou responsáveis.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

A vacinação itinerante contra a covid-19 está garantindo resultados positivos na imunização de crianças de 5 a 11 anos, no município. Em menos de uma semana, o posto móvel já percorreu as Comunidades Oswaldo Cruz, Carangola, Duques, Quitandinha e Posse e a previsão é de que até o fim de fevereiro, pelo menos, 20 comunidades sejam beneficiadas.

Até esta segunda-feira (07), um total de 903 meninos e meninas receberam as primeiras doses do imunizante nos postos itinerantes. Porém, entre os dias 17 de janeiro quando o público dessa faixa etária começou a ser imunizadas e 7 de fevereiro, a vacina foi aplicada em 9.156 crianças. “Apenas com a vacinação é possível evitar o agravamento dos quadros clínicos dos pacientes contaminados. O governo municipal também reforça que é essencial a manutenção de todos os cuidados, como uso de máscaras e álcool em gel”, frisa o prefeito Rubens Bomtempo.

Outra medida para acelerar a vacinação dos pequenos, foi a abertura, até o fim de fevereiro, do cadastro para agendamento nos postos fixos montados pela Prefeitura, em seis pontos do município. “Os postos itinerantes atendem por livre demanda. Essa iniciativa busca acelerar a vacinação dos pequenos, o que é fundamental. Nossa intenção é atuar, também, na conscientização dos pais e responsáveis sobre a importância de vacinar os seus filhos”, destaca o secretário de Saúde Marcus Curvelo.

Além dos postos itinerantes, pais e responsáveis podem agendar a vacinação através do site https://smspetropolis.net.br/ em um dos seis pontos fixos disponibilizados pela Secretaria de Saúde: UBS Quitandinha, UBS Itamarati, UBS Itaipava, UBS Posse, Centro de Saúde Coletiva e Casa da Educação Visconde de Mauá.

Para a aplicação da vacina, meninos e meninas precisam estar acompanhados dos pais ou responsáveis. É necessário apresentação da carteira de vacinação, documento de identificação da criança e do responsável, CPF ou Cartão SUS.

Se os pais não estiverem presentes, é necessário levar declaração assinada autorizando quem estiver acompanhando a criança a vacinar seu filho sem a sua presença.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.